"A polícia vai fazer o correto: vai mirar na cabecinha e... fogo!": a letalidade policial nas favelas do Rio de Janeiro durante a pandemia

Imagem de Miniatura
Tipo
TCC
Data
2022-06
Autores
Oliveira, Alexia Evelyn Candido de
Orientador
Medeiros, Thamara Duarte Cunha
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Membros da banca
Programa
Resumo
O presente artigo tem como objetivo analisar a política de segurança pública implementada pelo ex-governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson José Witzel, especialmente durante a pandemia do Covid-19, à luz do conceito de necropolítica, desenvolvida por Achille Mbembe e do Racismo de estado de Foucault. Desta forma, procurou-se realizar uma contextualização teórica acerca das teorias de Foucault e Mbembe. Após, busca-se compilar os dados sobre letalidade policial na cidade do Rio de Janeiro durante os últimos três anos. E, por fim, discorrer acerca da ADPF das Favelas e sua importância no contexto pandêmico.
This work aims to analyse the security policy executed by the former governor of Rio de Janeiro, Wilson José Witzel, during the COVID-19 outbreak, using the idea of necropolitics, created by Achille Mbembe, and State Racism, developed by Foucault. Taking this into consideration, the goal was to discuss both Foucault’s and Mbembe’s theories; to assemble data regarding policial killings in Rio de Janeiro in the last three years, and, last, to examine the “ADPF das Favelas” and its relevance during the pandemic.
Descrição
Palavras-chave
segurança pública , racismo de estado , necropolítica , ADPF das favelas , public security , state racism , necropolitcs , Witzel government
Citação