O uso do estrangeirismo como estratégia de persuasão no discurso publicitário: análise de três peças publicitárias

Imagem de Miniatura
Tipo
Dissertação
Data
2008-02-21
Autores
Farelli, Eliane Calza
Orientador
Borges, Maria Zélia
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Membros da banca
Brito, Regina Helena Pires de
Silva, Vera Lúcia Crevin da
Programa
Letras
Resumo
O presente estudo tem por objetivo analisar o uso da língua inglesa em três peças publicitárias publicadas em revistas de circulação nacional. Muito se tem falado e discutido sobre o uso de palavras com origem em diferentes línguas, as quais passam a fazer parte do vocabulário dos falantes de uma outra língua. Pode-se dizer que estrangeirismos são vocábulos que se incorporam à língua, se integram ao código lingüístico que o adota, tornando-se empréstimos. Há ainda os neologismos por empréstimo ou terminológicos, aplicados em textos literários, publicitários ou jornalísticos; ou que surgem para dar nome a novos conceitos, objetos, invenções, situações que fazem parte da comunidade lingüística. Toda sociedade reflete em sua língua a evolução pela qual passou e continua passando. Em relação ao Brasil, deve-se ter em mente que a língua portuguesa falada aqui, um país de colonização, sempre sofreu influência de outras línguas, em virtude do contato com muitas nações e, portanto, a língua portuguesa, falada no Brasil, tem uma mescla de influências de outras culturas. A pesquisa fundamenta-se teoricamente na análise do discurso tendo em vista o discurso publicitário, analisando-se os processos persuasivos inerentes a tal discurso, seguindo as teorias de Bakhtin no que se refere à linguagem. Utiliza-se também as teorias da comunicação de Jakobson assim como a teoria da enunciação estudada em Chaureadeau e Maingueneau. Busca-se também fundamentar a análise em Aristóteles em relação aos gêneros e recursos da retórica, enquanto a análise dos signos visuais se baseia em Pedrosa. O método usado no estudo é o da análise individual de cada anúncio para destacar gêneros de discurso e funções da linguagem que neles aparecem. Ao final de tal análise faz-se uma breve comparação entre os três anúncios para destacar o que têm de semelhanças e diferenças.
Descrição
Palavras-chave
estrangeirismos , análise do discurso , processos persuasivos , foreignisms , discourse analysis , persuasive processes
Citação
FARELLI, Eliane Calza. O uso do estrangeirismo como estratégia de persuasão no discurso publicitário: análise de três peças publicitárias. 2008. 101 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2008.