Análise sobre a infraestrutura das praças públicas na cidade de São Paulo

Carregando...
Imagem de Miniatura
Tipo
TCC
Data
2022-12
Autores
Alvares, Beatriz da Silva
Orientador
Pires, Lilian Regina Gabriel Moreira
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Membros da banca
Programa
Resumo
Este trabalho tem como objetivo a análise do problema de infraestrutura das praças públicas da cidade de São Paulo. Trata-se, especialmente, das dificuldades de acesso e de uso das praças, relacionadas à influência de fatores sociais e econômicos. Defendemos que, apesar de o Plano Diretor garantir a existência dos espaços verdes, a legislação positivada ainda não é suficiente para possibilitar o exercício de direitos diversos, como o acesso à cidade e ao lazer. A presente pesquisa traça um panorama conceitual acerca da dificuldade de acesso e ocupação das praças públicas, seja pela falta de existência destas nas áreas mais remotas, seja pela falta de infraestrutura. Analisaremos casos concretos, como Praça do Pôr do Sol e o projeto Boa Praça. Estudaremos, também, programa Adote Uma Praça, que tem por objetivo passar para os cuidados privados a manutenção de mais de cinco mil praças públicas presentes na cidade. Por fim, pensaremos nas medidas disponíveis para que a cidade de São Paulo possa, a cada dia, se tornar mais agradável para seus habitantes. Veremos que as praças públicas trazem inúmeros benefícios para a saúde e bem-estar, de forma que pensar nas praças é uma medida mais barata e eficaz para que a cidade se torne mais sustentável, saudável e cumpra com os objetivos estabelecidos no Plano que a rege.
This work aims to analyze the problem of infrastructure in public squares in the city of São Paulo. This study is about the difficulties in accessing and using the squares, related to the influence of social and economic factors. We argue that, despite the Master Plan guaranteeing the existence of green spaces, the positive legislation is not enough to enable the exercise of various rights, such as access to the city and leisure. The present research outlines a conceptual panorama about the difficulty of access and occupation of public squares, either due to the lack of existence of these in the most remote areas, or due to the lack of infrastructure. We will analyze specific cases, such as Praça do Pôr do Sol and the Boa Praça project. We will also study the Adote Uma Praça program, which aims to transfer to private care the maintenance of more than five thousand public squares presents in the city. Finally, we will think about the measures available make São Paulo more pleasant for its inhabitants. We will see that public squares bring numerous benefits to health and well-being, so thinking about squares is a cheaper and more effective measure for the city to become more sustainable, healthy and fulfill the objectives established in the Plan that governs it.
Descrição
Indicado ao Prêmio TCC e a publicação
Palavras-chave
praça pública , infraestrutura , espaço-verde , public square , infrastructure , green space
Citação