Show simple item record

dc.creatorOliveira, Igor Alves Dantas de
dc.date.accessioned2016-10-01T15:48:37Z
dc.date.accessioned2020-05-28T18:11:21Z
dc.date.available2020-05-28T18:11:21Z
dc.date.issued2015-08-07
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Igor Alves Dantas de. Carl Rogers na educação de ensino médio. 2015. 126 f. Dissertação( Educação, Arte e História da Cultura) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.por
dc.identifier.urihttp://dspace.mackenzie.br/handle/10899/24958
dc.description.abstractThe present research proposes, from an interview conducted with high school students in a regular school, and a literature search on the humanistic approach of Carl Rogers, to discuss the applicability of the author’s theories in high school education. It is introduced, first, the information about the school in which the survey was conducted, as well as the characteristics of the interviewed group. Also, it is presented the “etnopesquisa”, methodology chosen for this work. Hereafter, I perform a study of the humanistic approach of Carl Rogers for Psychology and Education, showing his approach as a counterpoint to B.F. Skinner behaviorism, which also gained strength in the 1970s. Thus, pointing out that the current education model followed by the school, to focus the schooling on examinations for entering college, is not promoting meaningful learning, that is, learning that motivates changes in thinking and behavior in students. The interview analysis shows that students, despite not knowing Carl Rogers and his approach, are looking for an education fairly close to that suggested by the author. From the Rogers approach, it is suggested a more reflective school, centered on the student, where he or she will pass through a self-discovery process and therefor, a meaningful learning experience, having the teacher as a facilitator of this process.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpor
dc.formatapplication/pdf*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Presbiteriana Mackenziepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
dc.subjectCarl Rogerspor
dc.subjectpsicologia da aprendizagempor
dc.subjectensino médiopor
dc.titleCarl Rogers na educação de ensino médiopor
dc.typeDissertaçãopor
dc.publisher.departmentCentro de Educação, Filosofia e Teologia (CEFT)por
dc.publisher.programEducação, Arte e História da Culturapor
dc.publisher.initialsUPMpor
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANOpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::FUNDAMENTOS DA EDUCACAOpor
dc.description.resumoO presente trabalho de pesquisa tem como proposta, discutir a aplicabilidade da abordagem humanista de Carl Rogers na educação de ensino médio. O ponto de partida foi uma entrevista realizada com alunos de ensino médio de uma escola particular na cidade de São Paulo. A metodologia empregada foi a etnopesquisa, uma vez que o pesquisador e seu objeto estão imbricados; primeiramente foram descritas, as informações sobre a escola em que foi realizada a pesquisa, bem como as características da turma entrevistada. Posteriormente, foi apresentado um estudo sobre a abordagem humanista de Carl Rogers, mostrando sua abordagem como um contraponto ao Behaviorismo de B.F. Skinner, que também ganhava força na década de 1970. A experiência descrita nessa pesquisa buscou vivenciar um modelo que gerou alteridade ao atual modelo de educação do ensino médio seguido pela escola, de focar a aprendizagem nas provas de vestibular, que não promove a aprendizagem significativa, isto é, uma aprendizagem que provoque mudanças de pensamento e comportamentos nos alunos. A análise da entrevista mostrou que os alunos, apesar de não conhecerem a teoria de Carl Rogers e sua abordagem, estão em busca de uma educação bastante próxima à sugerida pelo autor. A partir da abordagem de Rogers, e das experiências durante as aulas de Sociologia e Filosofia, foi constatado que é possível ter uma escola mais reflexiva, centrada no aluno, em que este passe por um processo de autodescoberta para que então possa significar sua aprendizagem, tendo o professor como um facilitador deste processo.por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3267525309956512por
dc.contributor.advisor1Ambrogi, Ingrid Hötte
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6330995631263989por
dc.contributor.referee1Mizukami, Maria da Graça Nicoletti
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2121396261196481por
dc.contributor.referee2Boto, Carlota Josefina Malta Cardozo dos Reis
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/2170526237232776por
dc.thumbnail.urlhttp://tede.mackenzie.br/jspui/retrieve/11476/Igor%20Alves%20Dantas%20de%20Oliveira.pdf.jpg*
dc.bitstream.urlhttp://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2876/10/Igor%20Alves%20Dantas%20de%20Oliveira.pdf
dc.keywordsCarl Rogerseng
dc.keywordslearning psychologypor
dc.keywordshigh schoolpor


Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Acesso Aberto
Except where otherwise noted, this item's license is described as Acesso Aberto