Intervenção neuropsicológica para desenvolvimento de habilidades de atenção e flexibilidade cognitiva em crianças com TDAH

Imagem de Miniatura
Tipo
Dissertação
Data
2014-08-05
Autores
Cantiere, Carla Nunes
Orientador
Carreiro, Luiz Renato Rodrigues
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Membros da banca
Capovilla, Alessandra Gotuzo Seabra
Joly, Maria Cristina Rodrigues Azevedo
Programa
Distúrbios do Desenvolvimento
Resumo
De acordo com a literatura a intervenção neuropsicológica tem demonstrado eficácia na melhora das funções cognitivas, no desempenho das atividades cotidianas e no aumento da qualidade de vida de pacientes com diferentes tipos de doenças que afetam o sistema nervoso. Este trabalho tem por objetivo, como um estudo exploratório, desenvolver, implementar e avaliar indicadores de melhora de um programa de intervenção neuropsicológica para treino de habilidades de atenção e flexibilidade cognitiva em crianças com sinais de desatenção e hiperatividade. Participaram deste estudo 4 indivíduos com idade entre 8 e 12 anos, sem déficit intelectual e com indicadores comportamentais de desatenção e/ou hiperatividade referidos por seus pais e professores. Os participantes foram submetidos a uma avaliação pré-intervenção, utilizando inventários de perfis comportamentais, testes de atenção voluntária, automática e temporal, função executiva e resistência à distração e velocidade de processamento cognitivo. Após a avaliação inicial, foram realizados 15 encontros com cada participante, um por semana, com duração média de 60 minutos cada, nos quais foram feitas atividades lúdicas direcionadas à atenção e à flexibilidade cognitiva. Ao final das intervenções, os participantes foram reavaliados pelos mesmos instrumentos comportamentais e neuropsicológicos e os dados comparados aos da pré-avaliação. Em todas as sessões houve a participação de um observador, com o intuito de registrar a intervenção. Para tanto, utilizou-se um protocolo de observação para categorizar comportamentos alvos no TDAH. Verificou-se que na maioria dos casos estudados foi possível observar melhora de diferentes tipos de indicadores comportamentais e cognitivos como a redução dos comportamentos de desatenção e hiperatividade e a presença de uma quantidade maior de acertos, menor número de omissões, redução de ensaios administrados, diminuição do tempo de reação e declínio contínuo em função do intervalo nos testes neuropsicológicos e computadorizados aplicados. Ou seja, há indicadores importantes sobre a melhora das crianças após a intervenção o que pode refletir em termos do desenvolvimento quanto a inserção educacional e social dos participantes.
Descrição
Palavras-chave
reabilitação neuropsicológica , distúrbio do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) , treino cognitivo , atenção , neuropsychological rehabilitation , ADHD , cognitive training
Citação
CANTIERE, Carla Nunes. Intervenção neuropsicológica para desenvolvimento de habilidades de atenção e flexibilidade cognitiva em crianças com TDAH. 2014. 124 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2014.