Show simple item record

dc.creatorSiqueira, Gislane Aparecida Martinspt_BR
dc.date.accessioned2016-03-15T19:46:50Z
dc.date.accessioned2020-05-28T18:13:22Z
dc.date.available2009-09-11pt_BR
dc.date.available2020-05-28T18:13:22Z
dc.date.issued2009-03-11pt_BR
dc.identifier.citationSIQUEIRA, Gislane Aparecida Martins. Superestrutura e operadores argumentativos como recursos retóricos em petições iniciais. 2009. 124 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2009.por
dc.identifier.urihttp://dspace.mackenzie.br/handle/10899/25405
dc.description.abstractThis dissertation proposes linguistics analysis of the legal text Initial Petition, according to argumentative principles of semantics, aiming show the necessity of the linguistics approach for better interpretation and production of this kind of text. It focus on considerations about the Textual Linguistics, Discourse Genres, Legal Discourse, Rhetoric, Macrostrategics, Sketchy Strategies, Argumentative Operators and draw a parallel between the organizational composition of the Initial Petition and the statement of the discursive organization of the Sermon, quoted by Priest Antonio Vieira in the part VI of the his masterpiece Sermão da Sexagésima. The corpus this dissertation presents series of Initials Petitions that were analyzed in two aspects: (1) the organization of schematic structure the text, through the superstructure; (2) the argumentative organization, which takes place within the discourse, made by the argumentative operators. The former emphasizes the complicity relationship between the meaningful parts of the text, showing how this relationship leads the enunciatee to way pre-set by the enunciator; the latter emphasizes the way how the argumentative operators act, as rhetoric resource in the construction of the persuasive discourse; how often they appear, in this specific type of legal text and whether indicate different roles from those expressed by the specialized literature. Finally is verified, in the dissertation, the importance of knowledge linguistics resources in the production and interpretation of argumentative texts as the Initial Petition, emphasizing the contribution this kinds of study those who seek to improve this kind of discourse.eng
dc.description.sponsorshipFundo Mackenzie de Pesquisapt_BR
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Presbiteriana Mackenziepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectlingüísticapor
dc.subjectsemântica argumentativapor
dc.subjectsuperestruturapor
dc.subjectoperadores argumentativospor
dc.subjectrecurso retóricopor
dc.subjectdiscurso jurídicopor
dc.subjectpetição inicialpor
dc.subjectlinguisticseng
dc.subjectargumentative semanticseng
dc.subjectsuperstructureeng
dc.subjectargumentative operatorseng
dc.subjectrhetorical appealeng
dc.subjectlegal discourseeng
dc.subjectinitial petitioneng
dc.titleSuperestrutura e operadores argumentativos como recursos retóricos em petições iniciaispor
dc.typeDissertaçãopor
dc.publisher.departmentLetraspor
dc.publisher.programLetraspor
dc.publisher.initialsUPMpor
dc.publisher.countryBRpor
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRASpor
dc.description.resumoEsta dissertação propõe análises lingüísticas do texto jurídico Petição inicial, segundo princípios da semântica argumentativa, visando mostrar a necessidade da abordagem lingüística para melhor interpretação e produção desse tipo de texto. Para tanto, faz considerações acerca da Lingüística Textual, Gêneros Discursivos, Discurso Jurídico, Retórica, Macroestratégia, Estratégias Esquemáticas, Operadores Argumentativos e traça um paralelo entre a composição organizacional da Petição Inicial e a menção da organização discursiva de um Sermão, citada pelo Pe. Antônio Vieira, na VI parte de seu Sermão da Sexagésima. Como corpus é apresentada uma série de Petições Iniciais que foram analisadas, considerando-se dois aspectos: (1) a organização da estrutura esquemática do texto, por meio da superestrutura; (2) a organização argumentativa, que se dá no seio do discurso, constituída pelos operadores argumentativos. O primeiro destaca a relação de cumplicidade entre as partes significativas do texto, mostrando como ela conduz o enunciatário a um caminho pré-estabelecido pelo enunciador; o segundo, o modo como os operadores argumentativos atuam, como recurso retórico na construção do discurso persuasivo; com que freqüência aparecem, nesse tipo específico de texto jurídico e se apontam papéis diferentes dos explicitados pelas literaturas especializadas no assunto. Verifica-se, por fim, a importância do conhecimento dos recursos lingüísticos na produção e na interpretação de textos argumentativos, como a Petição Inicial, enfatizando a contribuição de estudos dessa natureza para aqueles que buscam o aprimoramento nesse tipo de discurso.por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7524956576077530por
dc.contributor.advisor1Brito, Regina Helena Pires dept_BR
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5720921133186299por
dc.contributor.referee1Faccina, Rosemeire Leão da Silvapt_BR
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7764188151603056por
dc.contributor.referee2Zanon, Marilenapt_BR
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/3096814078739681por
dc.thumbnail.urlhttp://tede.mackenzie.br/jspui/retrieve/4518/Gislane%20%20Aparecida%20Martins%20Siqueira.pdf.jpg*
dc.bitstream.urlhttp://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2283/1/Gislane%20%20Aparecida%20Martins%20Siqueira.pdf


Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record