Em busca do enunciatário de discursos (nada) amorosos: um olhar analítico sobre peças publicitárias para o Dia dos Namorados 2007

Imagem de Miniatura
Tipo
Tese
Data
2010-02-22
Autores
Keller, Kátia Raquel Bonilha
Orientador
Hilgert, José Gaston
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Membros da banca
Barros, Diana Luz Pessoa de
Leite, Marli Quadros
Brandão, Helena Hathsue Nagamine
Brito, Regina Helena Pires de
Programa
Letras
Resumo
A tese, baseada em fundamentos da semiótica greimasiana, com ênfase, no contexto da enunciação, na categoria da pessoa, tem como proposta a configuração do páthos do enunciatário de um conjunto de dez peças publicitárias - criadas para o Dia dos Namorados de 2007 -, a partir do perfil do narratário de cada uma delas. Por meio da detecção de traços recorrentes em todos os anúncios integrantes do Corpus, foi possível chegar ao principal objetivo do trabalho, isto é, o páthos de um supradestinatário , capaz de representar, por amostragem, o alvo comunicativo dos enunciadores publicitários na época. O conceito que nos fez partir de cada uma das peças para a construção de um sujeito representante do conjunto é aquele que versa sobre unidade (unus) e totalidade (totus): conhece-se o narratário pela análise de um texto e o enunciatário, por intermédio de uma totalidade de textos; identificam-se os traços que compõem o modo de ser do enunciatário de um determinado universo discursivo (no nosso caso, o da Propaganda) por meio do estudo de textos individualizados que o constituem. O trabalho ocupa-se, ainda, de princípios do ideário bakhtiniano acerca do dialogismo e da ideologia, os quais consideramos fundamentais para o estudo das características sócio- istórico-culturais dos narratários de nosso Corpus. Em função da manifestação verbo-visual presente em anúncios publicitários, o que os caracteriza como textos sincréticos, também julgamos relevante classificá-los com base no grau de intimidade entre os planos verbal e não-verbal neles presentes. Essa relação nos pareceu significativa para trazer à tona o páthos de nosso enunciatário, já que é ele quem, na verdade, determina as escolhas estratégicas do enunciador em todos os níveis. O trabalho, dessa forma, tenciona colocar-se como uma contribuição aos estudos da Propaganda sob o prisma do universo teórico da análise do discurso, em função de uma carência desse tipo de estudo, percebida como oportunidade para a autora desenvolver um trabalho diferenciado, com objetivos enraizados na Linguística, mas que interessem à formação e atuação de estudantes e profissionais da Propaganda.
Descrição
Palavras-chave
texto publicitário , semiótica , páthos , narratário , enunciatário , advertising work , semiotics , pathos , destinateur , over-destinateur
Citação