Show simple item record

dc.creatorGava, Everson
dc.date.accessioned2016-08-24T16:26:09Z
dc.date.accessioned2020-05-28T18:04:24Z
dc.date.available2020-05-28T18:04:24Z
dc.date.issued2015-08-27
dc.identifier.citationGAVA, Everson. Inovação aberta em serviços públicos: um estudo no setor de saneamento básico no Brasil. 2015. [81 f.]. Dissertação (Administração de Empresas) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, [São Paulo].por
dc.identifier.urihttp://dspace.mackenzie.br/handle/10899/23597
dc.description.abstractRegional companies that operate in the Brazilian sanitation sector face several challenges when pursuing productivity improvement and service coverage expansion. It is believed that technological innovation can help companies to overcome those challenges. Considering the resources restrictions related to the sanitation business in Brazil regional companies should leverage their innovation processes seeking productivity enhancement and innovation management plays a crucial role in pursuing it. The Open Innovation model assumes that firms can and should use external ideas as well as internal ideas, and internal and external paths to market, as the firms look to advance their technology. This study aimed at analyzes innovation management in Brazilian sanitation companies and identify open innovation practices in its R&D processes. This study is of a descriptive and exploratory nature and data was collected through interviews with R&D managers. The use of a semi-structured script and the contents analysis procedure of the data gathered led to the study’s main results. Results showed that companies in the sanitation sector intentionally uses external knowledge flows to leverage their innovation processes, mainly through university partnerships and supplier cooperation. It was also identified that those companies have high levels of absortive capacity.eng
dc.formatapplication/pdf*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Presbiteriana Mackenziepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
dc.subjectinovaçăo abertapor
dc.subjectgestăo da inovaçãopor
dc.subjectinovaçăopor
dc.subjectsaneamento básicopor
dc.titleInovação aberta em serviços públicos: um estudo no setor de saneamento básico no Brasilpor
dc.typeDissertaçãopor
dc.publisher.departmentCentro de Ciências Sociais e Aplicadas (CCSA)por
dc.publisher.programAdministração de Empresaspor
dc.publisher.initialsUPMpor
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESASpor
dc.description.resumoAs empresas regionais de controle estatal que prestam serviços de saneamento básico no Brasil enfrentam inúmeros desafios na busca pelo aumento de sua produtividade e da abrangência de seus serviços, e acredita-se que incorporação de inovações tecnológicas às operações destas empresas pode auxiliá-las na superação destes desafios. Considerando a restrição de recursos característica deste setor no país, estas empresas precisam alavancar seus processos de inovação tornando-os mais eficientes e menos custosos, visando o aumento de sua produtividade e, neste contexto a gestão da inovação exerce um papel fundamental. O modelo de Inovação Aberta propõe que as empresas podem buscar e desenvolver recursos para inovação de forma interna ou externa, independentemente de sua localização; além disso, podem utilizar caminhos internos e externos para a sua comercialização, tendo em vista a captura e geração de valor. Este estudo buscou analisar a gestão da inovação em empresas regionais de saneamento no Brasil e teve como objetivo principal verificar a realização de práticas de Inovação Aberta nos processos de pesquisa, desenvolvimento e inovação destas empresas. Para atender a este objetivo foi realizada uma pesquisa qualitativa de caráter exploratório e descritivo, cujas empresas objetos de estudo foram aquelas prestadoras de serviços de saneamento básico, de controle estatal, operando no território brasileiro. Concluiu-se que as empresas deste setor utilizam-se intencionalmente de fontes externas de conhecimento em seus processos de inovação, buscando internalizar inovações tecnológicas às suas operações, sendo que estas interações ocorrem majoritariamente por meio de convênios com universidades e institutos de pesquisa e da cooperação com fornecedores. Além disso, foi identificado que a as empresas do setor apresentam alto grau de capacidade de absorção do conhecimento gerado além de suas fronteiras.por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/4684203063326887por
dc.contributor.advisor1Zilber, Moisés Ari
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0524413115146016por
dc.contributor.referee1Perez, Gilberto
dc.contributor.referee2Sbragia, Roberto
dc.thumbnail.urlhttp://tede.mackenzie.br/jspui/retrieve/11043/Everson%20Gava.pdf.jpg*
dc.bitstream.urlhttp://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2827/5/Everson%20Gava.pdf
dc.keywordsinnovationeng
dc.keywordsopen innovationeng
dc.keywordsserviceseng
dc.keywordssanitationeng


Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Acesso Aberto
Except where otherwise noted, this item's license is described as Acesso Aberto