Show simple item record

dc.contributor.advisorPereira, Isabela Rosier Olimpio
dc.contributor.authorRavaglia, Julia Xavier da Silveira
dc.date.accessioned2019-11-13T12:55:41Z
dc.date.available2019-11-13T12:55:41Z
dc.date.issued2019-06
dc.identifier.urihttp://dspace.mackenzie.br/handle/10899/20872
dc.description.abstractOs probióticos são micro-organismos vivos que conferem benefícios para a saúde do hospedeiro. O efeito dos probióticos sobre a resposta imune tem sido bastante estudado. Grande parte dos estudos “in vitro” sugere que os probióticos podem estimular a resposta imune específica e não especifica. O objetivo deste trabalho foi avaliar através de uma revisão bibliográfica, se a suplementação de probióticos em bebês e crianças tem influência sobre a imunidade. Para realizar essa pesquisa, foi consultada a plataforma de dados científicos “Pubmed”, utilizando as seguintes palavras “immunity”, “probiotic” e “supplement”. Foram selecionados nove estudos de intervenção em bebês e crianças realizados nos últimos cinco anos. Dentre os artigos avaliados, 75% mostraram que a suplementação de um probiótico teve influência positiva na imunidade. As principais cepas utilizadas eram do gênero Lactobacillus e Bifdobacterium. Os estudos avaliados mostraram que os probióticos podem ter influência positiva na imunidade de bebês e crianças, mas não o suficiente para serem amplamente indicados. Em todos os estudos que apontaram um aumento significativo na imunidade, ressaltaram que há necessidade de conhecer o mecanismo de ação pelo qual as cepas probióticas agem, e além disso mais estudos devem ser realizados para comprovar a eficácia da suplementação.
dc.description.abstractProbiotics are living microorganisms that provide health benefits to the host. The effect of probiotics on the immune response has been widely studied. Most in vitro studies suggest that probiotics may stimulate specific and non-specific immune responses. The objective of this study was to evaluate if probiotic supplementation in infants and children has influence on their immunity through a literature review. To perform this research the scientific data platform "Pubmed" was consulted using the following words "immunity", "probiotic" and "supplement". Nine intervention studies in infants and children performed in the last 5 years were selected. Among the evaluated articles, 75% showed that the supplementation of a probiotic had a positive influence on immunity. The main strains used were of the genus Lactobacillus and Bifdobacterium. The studies evaluated have shown that probiotics may have a positive influence on immunity in infants and children, but not enough to be widely recommended. In all those that had a significant increase in immunity, they emphasized that it is necessary to know the mechanism of action by probiotic strains act and also more studies must be performed to prove the efficacy of supplementation.
dc.languagept_BR
dc.publisherUniversidade Presbiteriana Mackenzie
dc.subjectprobióticos
dc.subjectsuplementação
dc.subjectimunidade
dc.subjectbebês e crianças
dc.subjectprobiotics
dc.subjectimmunity
dc.subjectsupplementation
dc.subjectinfants and children
dc.titleInfluência dos probióticos sobre a imunidade de bebês e crianças
dc.typeTCC
local.publisher.departmentCentro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS)


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record