Show simple item record

dc.creatorSilva, Adilson Aderito Dapor
dc.date.accessioned2019-05-08T19:20:11Z
dc.date.available2019-05-08T19:20:11Z
dc.date.issued2017-05-29por
dc.identifier.urihttp://dspace.mackenzie.br/handle/10899/19841
dc.publisherInstituto Presbiteriano Mackenziepor
dc.subjectcustos de transaçãopor
dc.subjectincertezapor
dc.subjectespecificidade dos ativospor
dc.subjectfrequênciapor
dc.titleA eficácia da especificidade dos ativos, da incerteza e da frequência das transações como proxy de custos de transaçõespor
dc.typeProjeto de Pesquisapor
dc.publisher.departmentCentro de Ciências Sociais e Aplicadas - Núcleo de Estudos em Competitividadepor
dc.description.resumoA presente pesquisa foi desenvolvida a partir das lacunas identificadas na literatura da Teoria dos Custos de Transação - TCT quanto à mensuração dos custos de transação, lacunas essas ressaltadas pelas reduzidas tentativas para se estabelecer medidas diretas e objetivas para estimar esses custos, em função da quantidade e da variabilidade dos atributos a observar de uma transação para outra tornando-se um processo caro e impreciso. Não obstante, conforme observou Williamson (1993) isto pode ser remediado pela idealização de medidas indiretas, geralmente utilizadas nos estudos da TCT para explorar a relação entre as dimensões analíticas das transações - incerteza, especificidade dos ativos e frequência - com escolha de estruturas de governança com o intuito de minimizar os custos de transação. Em linha com esse tipo de mensuração Bataglia et al. (2013) utilizaram essas dimensões analíticas como proxy de custos de transação percebidos por gestores para testar as relações entre esses custos, a capacidade relacional e o desempenho em alianças estratégicas. Não obstante os autores terem alcançado os objetivos propostos em sua pesquisa, surgiu a necessidade de se verificar quão efetiva é a utilização dessas dimensões analíticas como proxy dos custos de transação percebidos pelos gestores. Nesse sentido o objetivo geral do estudo foi propor um modelo teórico que permitisse testar concomitantemente as relações entre essas dimensões - frequência das transações, incerteza, especificidade dos ativos - e os custos de transação. Para tal, se estabeleceu como objetivos específicos, estimar, caracterizar e validar: (1) os custos de transação mediante escala constituída por indicadores relacionados aos custos de análise e elaboração de contratos; custos de mudança e custos de adaptação de contratos; (2) as dimensões analíticas das transações mediante escala como indicadores relacionados à especificidade, frequência e incerteza e; (3) validar o modelo teórico para testar as relações entre as dimensões das transações e os custos de transação.por


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record