Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/19237
Tipo do documento: Dissertação
Título: A releitura do mito de Ulisses no filme "E ai, meu irmão, cadê você?" sob uma perspectiva audiovisual
Autor: Araújo, Wllyssys Wolfgang Reis Dias
Primeiro orientador: Santos, Elaine Cristina Prado dos
Primeiro membro da banca: Trevisan, Ana Lúcia
Segundo membro da banca: Betella, Gabriela Kvacek
Resumo: A mitologia sempre povoou as diversas formas de expressão humana; sobretudo, no campo artístico (literatura, teatro, música, pintura). Com o incremente tecnológico, novas linguagens também passaram a servir de arauto para diversos mitos que, atualizados, foram reinseridos em contextos sociais, políticos, econômicos e culturais atuais, permitindo novas formas de pensar a existência humana, conforme os valores de cada época. Assim aconteceu no filme E ai, meu irmão, cadê você? lançado no ano de 2000 em gênero comédia, escrito e dirigido pelos irmãos cineastas Joel e Ethan Coen. A produção, como explicitamente propõem os autores, é uma proposta de releitura do mítico Ulisses para o início da década de 1930 nos Estados Unidos, quando o país enfrentava diversos imbróglios sociais onde se pressupunha que só mesmo os deuses poderiam se sobressair. A época, chamada de "A Grande Depressão", revirou todos os setores do país e pôs em evidência as necessidades de classes populares, trabalhadoras, das quais o personagem Everett (que simboliza o herói) faz parte. Da epopeia nasceu uma comédia, apresentada como obra audiovisual. Desta forma, pretendemos com este trabalho de dissertação de Mestrado analisar a epopeia Odisseia, de Homero, e o filme E ai meu irmão, cadê você? trazendo à tona aspectos que se entrelaçam em uma linha comparativa, sob a ótica da releitura dos irmãos Coen. Para tanto, serão reverberados os pressupostos teóricos elencados por Mircea Eliade e Joseph Campbell para as questões míticas, e Ismar Soares para as questões tanto de audiovisual e quanto de tecnologias da comunicação.
Abstract: Mythology has always been in the various forms of human expression; especially in the artistic field (literature, theater, music, painting). With the technological increase, new languages also began to serve as a herald for several myths that, updated, were reinserted in current social, political, economic and cultural contexts, allowing new ways of thinking about human existence, according to the values of each epoch. So it happened in the movie O Brother, Where Art Thou? released in the year 2000 in comedy form, written and directed by brother filmmakers Joel and Ethan Coen. The production, as the authors explicitly put it, is a retelling of the mythical Ulysses to the early 1930s in the United States, when the country faced various social problems where it was assumed that only the gods could excel. The time, called "1929's Crack," overturned all sectors of the country and highlighted the needs of working class people, of which the Everett character (who symbolizes the hero) is a part. From the epic was born a comedy presented in the form of an audiovisual work. This work aims to analyze the epic Odyssey, Homer, and the film O Brother, Where Art Thou? bringing to the surface aspects that are intertwined in a comparative line, from the perspective of the re-reading of the Coen brothers. Then, we will go through the theoretical assumptions made by Mircea Eliade and Joseph Campbell on mythology, and Ismar Soares on issues of audiovisual and communication technologies.
Palavras-chave: mito;  releitura;  cinema;  educação
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::ENSINO-APRENDIZAGEM::METODOS E TECNICAS DE ENSINO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Centro de Comunicação e Letras (CCL)
Programa: Letras
Citação: ARAÚJO, Wllyssys Wolfgang Reis Dias. A releitura do mito de Ulisses no filme "E ai, meu irmão, cadê você?" sob uma perspectiva audiovisual. 2018. 101 f. Dissertação (Letras) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3533
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/19237
Data de defesa: 7-Fev-2018
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/3533/5/Wllyssys%20Wolfgang%20Reis%20Dias%20Ara%C3%BAjo.pdf
Aparece nas coleções:Letras - Dissertações - CCL Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons