Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/19178
Tipo do documento: Dissertação
Título: Maria Antônia: uma rua e seus significados
Autor: Silva, Fernando Santos da
Primeiro orientador: Mendes, Marcel
Primeiro membro da banca: Ambrogi, Ingrid Hötte
Segundo membro da banca: Caldeira, João Ricardo de Castro
Terceiro membro da banca: Schwartz, Rosana Maria Pires Barbato
Quarto membro da banca: Nascimento, Rodrigo Modesto
Resumo: Este trabalho propõe-se a abordar as percepções que desenvolvemos ao analisar o espaço urbano denominado "rua", cenário no qual vivenciamos muitas das nossas experiências e, principalmente, estabelecemos a maioria das nossas relações, sejam elas políticas, econômicas, sociais e culturais. Tais vivências ocorrem cotidianamente nesse palco de acontecimentos, seja por sua espacialidade e até mesmo pela sua temporalidade, dando ensejo a interpretações e reinterpretações da realidade observada, de seus significados e de suas conexões. Para essa abordagem, foram utilizados os conceitos de "percepção" de Maurice Merleau-Ponty, de "lugar de memória" de Pierre Nora e, no tocante à valorização da rua como espaço de sociabilidade e de visibilidade do território urbano, foram utilizadas conceituações desenvolvidas, separadamente, pelos urbanistas Kevin Lynch e Jane Jacobs. Como objeto físico de estudo foi escolhida a Rua Maria Antônia, no bairro da Consolação, devido ao fato desse logradouro reunir características singulares na geografia urbana e cultural de São Paulo desde que passou a constar dos mapas da Capital. Observou-se que seus diversos significados suscitados pela memória, pela observação e pelo imaginário social sucedem-se e alternam-se no eixo do tempo, passando pelos episódios de 1968 conhecidos como "guerra da Maria Antônia", e culminando com a configuração atual, marcada por uma singular plasticidade vivencial, social e cultural. Por meio do lançamento desse novo olhar sobre a Rua Maria Antônia, pretende-se contribuir para a percepção de que essa via pública paulistana possui atributos e significados específicos, ao mesmo tempo diversificados e complexos, que não têm sido tratados, de forma mais completa, pela historiografia correspondente.
Abstract: This paper proposes to approach the perceptions that we developed when analyzing the urban space called "street", where we experience many of our experiences and we establish most of our relations, be they political, economic, social and cultural. Such experiences occur daily in this stage of events, either by their spatiality or even by their temporality, giving rise to interpretations and reinterpretations of the observed reality, its meanings and its connections. For this approach, the concepts of "perception" of Maurice Merleau-Ponty, of "place of memory" of Pierre Nora were used and, in relation to the valorization of the street as a space of sociability and visibility of the urban territory, separately by urban planners Kevin Lynch and Jane Jacobs. As a physical object of study was chosen Maria Antônia Street, in Consolação neighborhood, due to the fact that this place has unique characteristics in the urban and cultural geography of São Paulo since it began to appear on the maps of the Capital. It was observed that its various meanings raised by memory, by observation and by the social imaginary succeed and alternate in the axis of time, passing through the episodes of 1968 known as "Maria Antonia's War", and culminating with the current configuration, marked by a singular experiential, social and cultural plasticity. Through the launching of this new look on Maria Antonia Street, it is intended to contribute to the perception that this São Paulo public road has specific attributes and meanings, both diversified and complex, that have not been treated in a more complete way, by the corresponding historiography.
Palavras-chave: Rua Maria Antônia;  lugar de memória;  percepção;  imaginário;  social;  história de São Paulo
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA MODERNA E CONTEMPORANEA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Centro de Educação, Filosofia e Teologia (CEFT)
Programa: Educação, Arte e História da Cultura
Citação: SILVA, Fernando Santos da. Maria Antônia: uma rua e seus significados. 2018. [120] f. Dissertação (Educação, Arte e História da Cultura) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3714
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/19178
Data de defesa: 31-Jul-2018
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/3714/2/Fernando%20Santos%20da%20Silva.pdf
Aparece nas coleções:Educação, Arte e História da Cultura - Dissertação - CEFT Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.