Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/18816
Tipo do documento: Dissertação
Título: Redes hoteleiras : linguagem e disseminaçăo nas suas expansőes
Autor: Valente, Claudio Alexandre
Primeiro orientador: Perrone, Rafael Antonio Cunha
Primeiro membro da banca: Riccetti, Teresa Maria
Segundo membro da banca: Mausbach, Artur Grisanti
Resumo: As bases para a formação das primeiras redes hoteleiras estão atreladas ao conceito de padronização surgido com a industrialização no século XIX e às modificações sociais e econômicas do período posterior à Segunda Guerra Mundial, quando as redes se consolidam e passam a se disseminar geograficamente. Posteriormente, na década de 1970, as redes hoteleiras se internacionalizam. Paralelamente, uma segunda modernidade está se desenhando, o que acarreta no surgimento de novas categorias de hotéis, centradas em oferecer a possibilidade de experiências únicas e hedonistas a seus hóspedes. A dissertação busca identificar possíveis caminhos pelos quais as redes hoteleiras estabelecem linguagens que sejam reconhecíveis por seus potenciais usuários e aplicáveis em suas expansões. Para tanto, apoiada em estudos de caso, arrazoa sobre possíveis elementos que compõem a ambiência das unidades, assim como as influências que recebem pela ação de diferentes agentes que interagem para gerar uma linguagem, levando em consideração fatores territoriais e culturais decorrentes da localização de cada hotel.
Abstract: The first hotel chains were construed based on the standardization, associated with the 19th century industrialization, and the post 2nd war social-economic movements. By that time, consolidation takes place in this market and those chains expand geographically. Subsequently, in the 70´s, the hotel chains become international. In parallel, another modern concept is developing, which will allow a new hotel category to emerge, focused on unique and hedonistic experiences to their guests. This study aims to identify possible avenues for hotel chains to stablish languages that are identifiable for potential guests and applicable for expansions. In order to do that, supported by case study, this work rationalize possible elements that build units’ ambience, as well as influences received by the action of diverse agents who interact to generate a language, taking into consideration territorial and cultural factors associated with the geographic location of each hotel.
Palavras-chave: rede hoteleira;  padronização;  linguagem;  assinatura;  arquitetura de interiores;  design;  disseminação;  expansão geográfica
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO::PROJETO DE ARQUITETUTA E URBANISMO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU)
Programa: Arquitetura e Urbanismo
Citação: VALENTE, Claudio Alexandre. Redes hoteleiras : linguagem e disseminaçăo nas suas expansőes. 2017. 249 f. Dissertação (Arquitetura e Urbanismo) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/3285
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/18816
Data de defesa: 24-Mai-2017
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/3285/5/Claudio%20Alexandre%20Valente.pdf
Aparece nas coleções:Arquitetura e Urbanismo - Dissertação – FAU Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons