Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/18299
Tipo do documento: Dissertação
Título: A Práxis reformada e o desenvolvimento educacional do Brasil na segunda metade do século XIX
Autor: Carmo, César Guimarães do
Primeiro orientador: Lopes, Edson Pereira
Primeiro membro da banca: Gomes, Antônio Máspoli de Araújo
Segundo membro da banca: Campos, Leonildo Silveira
Resumo: Este texto reflete, a partir das Ciências da Religião, sobre a práxis reformada e o desenvolvimento educacional do Brasil na segunda metade do século XIX. Aborda como tema central, os pressupostos da práxis Reformada ligadas à educação, e examina secundariamente a práxis da Igreja Católica Apostólica Romana quanto ao mesmo tema. Verificou-se a presença e a atuação da Igreja Católica através dos jesuítas: seus métodos e resultados de sua atuação até a expulsão em 1760, no contexto das reformas pombalinas. Observou-se que a Reforma do Século XVI trouxe em seu bojo uma nova visão de inserção do indivíduo na sociedade, onde ele deveria cumprir sua missão divina. O fiel foi convocado a louvar a Deus e servi-lo no mundo e em cada aspecto da vida e desenvolver as habilidades concedidas por Deus, não somente na religião, mas na política, na ciência, na arte, na educação, enfim, em todas as esferas, nas quais Deus é servido, por meio da atividade humana. Este pensamento, verificado principalmente em Calvino, norteou a conduta dos primeiros missionários nas terras brasileiras, especialmente, dos presbiterianos, foco desta pesquisa. Eles desenvolveram a práxis reformada na construção de uma relação com o mundo, que o transforma. Fundamentaram-na através de uma experiência espiritual autêntica, não em um conhecimento obscuro, mas no desenvolvimento das obras e na vida prática, distanciando-se do escolasticismo e do aristotelismo. Entenderam, a partir do pensamento reformado, a educação como ferramenta necessária para o desenvolvimento da fé e transformação social. A educação, visava portanto, formar homens com valores morais que se envolveriam nos deveres para com Deus, para consigo mesmo, para com o seu próximo e para com a sua pátria. Os resultados obtidos foram evidenciados com a fundação e a história do Instituto Presbiteriano Mackenzie e do Instituto Presbiteriano Gammon.
Abstract: This monograph reflects, from a Religious Studies perspective, on the reformed praxis and Brazilian educational development in the second half of 19th Century. It approaches as main theme the presuppositions of the Reformed praxis related to education, as well as it does secondarily about Roman Catholic Church praxis. It verifies the Catholic Church presence and action through the Jesuits: his methods and the results of their activities until the banishment during 1760, while the pombalinas reforms were taking place. It observes that the Reformation brought in itself a new perspective of human inclusion in society, where he/she should accomplish his/her divine mission. A faithful one was called to worship God and to serve him all over the world being faithful in every and each feature of his/her life, also to develop his/her skills given by God, not only in a religious affairs, but as well as in politics, science, art, education, in all spheres, where God is served by human activity. The thought above, primarily found in Calvin, grounded the first missionaries conduct and behavior on Brazilian soil, mainly, those Presbyterians, that is the focus of this research. They developed reformed praxis to build a relationship with the world that transforms it. They grounded it through an authentic spiritual experience, not in an obscure knowledge, but in the practice of good works and in the practical realities of life, keeping far from scholasticism and Aristotelianism. They understood, from a reformed perspective, the education as a necessary tool to the development of the faith and social transformation. Education aimed, therefore, to create human beings with moral values who could get involved in their duties to God, to themselves, to their neighbors and to their nation. The results obtained became evident through the establishments and histories of Mackenzie and Gammon Presbyterian Institutes.
Palavras-chave: educação;  Reforma protestante;  João Calvino;  presbiteriano;  jesuítas;  Mackenzie;  Gammon;  education;  John Calvin;  presbyterian;  jesuits;  Mackenzie;  Gammon
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Religião
Programa: Ciências da Religião
Citação: CARMO, César Guimarães do. A Práxis reformada e o desenvolvimento educacional do Brasil na segunda metade do século XIX. 2012. 157 f. Dissertação (Mestrado em Religião) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/2417
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/18299
Data de defesa: 13-Fev-2012
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2417/1/Cesar%20Guimaraes%20do%20Carmo.pdf
Aparece nas coleções:Ciências da Religião - Dissertação - CEFT Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.