Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/18232
Tipo do documento: Dissertação
Título: Expressiva modelagem manual de Wilson Iguti
Autor: Penna, Eloisa Camargo
Primeiro orientador: Stori, Norberto
Primeiro membro da banca: Hardagh, Claudia Coelho
Segundo membro da banca: Rampazzo, Loris Graldi
Resumo: O objetivo desta pesquisa é a valorização e documentação da expressiva modelagem manual do profissional Wilson Choji Iguti através do registro de suas obras de maior relevância. A técnica manual utilizada por ele vem se destacando no meio do crescente universo de opções de processos digitais, comumente denominados de impressão 3D. Em modelagem e design é abordada a importância dos dois processos com suas principais características em cursos superiores de Design, e destaca a modelagem manual como sendo essencial no desenvolvimento de novos produtos, como parte do pensamento projetual. Os procedimentos utilizados para fundamentar a dissertação empregam métodos de Pesquisa Qualitativa, usando entrevistas com interpretação de contexto e casos, sendo eles os mais indicados para o levantamento da vida de um profissional. A pesquisa teve também o apoio do método da História Oral que utiliza a técnica da entrevista por meio de gravação dos depoimentos e contou com estratégias próprias para conduzir a narrativa. Além de tal método funcionar para documentação, permite transcrever parte das informações como citações do próprio entrevistado. Após mergulhar no universo do Estúdio Iguti, que tem uma produção de mais de trinta anos contribuindo com o mercado dos brinquedos e outros produtos, os modelos produzidos por Wilson Choji Iguti foram criteriosamente selecionados e cronologicamente organizados a partir da década de 1980 até a atualidade. O método de trabalho do profissional foi documentado através de dois produtos, sendo que um deles foi registrado dia a dia, acompanhando a modelagem. Seu profundo conhecimento dos processos industriais, experiência com diferentes tipos de materiais e técnicas, autocrítica e o “fluir” do seu processo criativo deixaram evidente o que faz a diferença entre ele e outros modeladores manuais. Como resultado das entrevistas iniciais foram filtrados os cinco cases apresentados e fazem parte da tessitura das histórias por ele narradas. Wilson Choji Iguti compartilha sua experiência com aqueles que o procuram; esse é o modo de propagar os conhecimentos, mas nunca se deteve para sistematizar a sua produção. A dissertação objetiva deixar para futuras gerações referências do método de trabalho da modelagem manual.
Abstract: The aim of this research is the appreciation and documentation of Wilson Choji Iguti’s significant manual shaping through his most relevant works. His manual technique has stood out in the growing universe of digital processes, which is generally called 3D printing. The chapter Modeling and Design discusses the importance of these two processes and their main features in design courses and also highlights manual modeling as essential in developing new products as part of design thinking. The procedures that substantiate this work employ qualitative research. It makes use of interviews with context interpretation and cases, which are most suitable for collecting data about the life of a professional. This research is supported by the method of Oral History by tape recording interviews and testimonials which had their own strategies to drive the narrative. In addition to documentation, this method allows the transcription of information as interviewee’s quotes along the work. After diving in the work of more than thirty years of Estudio Iguti, which contributed to the toy market and also other products, models produced by Wilson Choji Iguti were judiciously selected and organized in chronological order from the 1980s to the present. Iguti’s working method was documented by two products, in the case of one of them we accompanied and recorded the modeling process on a daily basis. His deep knowledge of industrial processes, his experience with different materials and techniques, his self-criticism and the “flow” of his creative process make the difference between him and other manual modelers evident. Five cases were selected from the interviews and they are intrinsic parts of stories he told. Wilson Choji Iguti shares his experience with those who wants to talk to him about his work; this is the way he spread his knowledge, on the other hand he never bothered to register his own production. This work wishes to leave references of the manual modeling method for future generations.
Palavras-chave: artes;  cursos de design de produto;  método de trabalho;  processos de modelagem manual
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::DESENHO INDUSTRIAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Centro de Educação, Filosofia e Teologia (CEFT)
Programa: Educação, Arte e História da Cultura
Citação: PENNA, Eloisa Camargo. Expressiva modelagem manual de Wilson Iguti. 2016. 237 f. Dissertação (Educação, Arte e História da Cultura) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/2993
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/18232
Data de defesa: 28-Nov-2016
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2993/5/Eloisa%20Camargo%20Penna.pdf
Aparece nas coleções:Educação, Arte e História da Cultura - Dissertação - CEFT Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.