Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13994
Tipo do documento: Dissertação
Título: Escrita e reescrita: produção de textos no ensino médio sob a perspectiva dos rascunhos
Autor: Pincinato, Micaela Deyust dos Santos
Primeiro orientador: Pinto, Elisa Guimarães
Primeiro membro da banca: Ferreira, Dina Maria Machado Andréa Martins
Segundo membro da banca: Hoff, Tânia Márcia Cezar
Resumo: Atualmente, o trabalho com a palavra escrita na escola segue uma metodologia e explora concepções ultrapassadas de ensino-aprendizagem e, por isso, parecem ser os resultados alcançados nas aulas de redação diferentes daqueles esperados: que o aluno consiga produzir um texto escrito de forma proficiente, organizada e coesa. A vivência na sala de aula intensifica a reflexão que o professor deve fazer quanto ao ensino da prática de produção de textos dos alunos. Tal ato reflexivo permite a nós, professores, aprimorar nossa própria prática de ensino de redação em língua materna e nossa interferência no processo de escrita do aluno. Uma dessas interferências diz respeito ao trabalho que esta pesquisadora faz com os rascunhos elaborados pelos estudantes de 2ª e 3ª séries do Ensino Médio em uma escola particular de Jundiaí-SP. Estes rascunhos mostram a maturidade que os jovens adquirem em sua aprendizagem de escrita. Além disso, evidenciam as preocupações deles quanto às suas inquietações lingüísticas e os caminhos escolhidos na reescritura de um texto que se quer coerente e coeso. A metodologia utilizada proporciona, ao professor e ao aluno, um trabalho interativo, cuja troca de textos/rascunhos entre os alunos em sala de aula é constante e acompanhada pelo professor que comenta tais rascunhos até o texto final. Alguns resultados podem ser extraídos deste trabalho. Ao analisarmos o rascunho e texto final dos alunos, percebemos que nem sempre a preocupação imediata deles diz respeito às correções ortográficas e de pontuação. Posteriormente, à medida que o interfere no rascunho, cujas observações referem-se especialmente à organização do texto e coesão, os estudantes demonstram preocupar-se muito mais com o encadeamento das idéias o produto final evidencia as escolhas que o jovem faz para manter coerente a organização de seu pensamento pela escrita.
Abstract: Nowadays, the work with the written word in school follows a methodology and searches overshot conceptions of teaching-learning and, therefore, the results reached in composition classes seem to be different from the expected ones: that the student may organize a proficient, organized and united written text. Experience in classroom enhances the reflection that teacher must have according to teaching of student s texts production practice. Such reflexive action allows us, teachers, to improve native language and our interference in student s written process. One of these interferences concerns to the work this researcher makes with drafts written by students of 2nd and 3rd grades of High School level in a private school in Jundiaí SP. The drafts show the experience students get in their written learning. Moreover, drafts show worries about linguistics unquietness and the ways they choose in the rewriting of a text which must be coherent and concise. The methodology used provides both, teacher and student, an interactive work whose changing of texts / drafts among students in classroom is constant and followed by the teacher who explains such drafts until the final text. Some results can be deducted from this work. When we analyse the student s draft and final text, we notice that not always their immediate worry concerns to corrections of orthography and punctuation. Later, when the teacher interferes on the draft, with observations related specially to the text organization and cohesion, students show to be worried about the ideas and clauses chaining: final product evidences the choices the student makes to keep coherent his thinking organization by the writing.
Palavras-chave: ensino-aprendizagem;  produção de textos;  rascunho;  reescritura;  teaching-learning;  texts production;  draft;  rewriting
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Letras
Programa: Letras
Citação: PINCINATO, Micaela Deyust dos Santos. Escrita e reescrita: produção de textos no ensino médio sob a perspectiva dos rascunhos. 2006. 85 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Embargado
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/2282
Data de defesa: 30-Ago-2006
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2282/4/Divulga%C3%A7%C3%A3o%20n%C3%A3o%20autorizada%20pelo%20autor.docx
Aparece nas coleções:Letras - Dissertações - CCL Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.