Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13906
Tipo do documento: Dissertação
Título: Mal sabia ele... : a intertextualidade literária no filme Mais estranho que a ficção
Autor: Gomes Júnior, Edmundo
Primeiro orientador: Pereira, Helena Bonito Couto
Primeiro membro da banca: Trevisan, Ana Lúcia
Segundo membro da banca: Brait, Elisabeth
Resumo: Este trabalho tem como objetivo analisar o filme Mais estranho que a ficção (2006), dirigido por Marc Foster, no viés do conceito de intertextualidade, criado por Julia Kristeva. É apresentada uma pesquisa sobre as obras literárias citadas na película e seus efeitos na narrativa fílmica, visando assim discutir de que modo a intertextualidade propicia a produção de sentido. Para essa análise foi levantada a origem desse conceito, confrontando o dialogismo de Mikhail Bakhtin com os textos de Kristeva. A autora elaborou, além da intertextualidade, os conceitos de ambivalência e transposição, termos que são empregados posteriormente por outros autores. Durante a análise foi possível notar, através dos intertextos presentes no filme, a natureza prometaica da criação ficcional, onde criadores enfrentam a decadência, as semelhanças entre as representações dos mestres na ficção em relação à jornada do herói épico, a utilização da écfrase como antecipação do desfecho da estória e a formação da identidade das personagens da obra através do diálogo.
Abstract: This essay aims to analyze the film Stranger Than Fiction (2006), directed by Marc Foster, following of the concept of intertextuality, created by Julia Kristeva. It presents a survey of the literary works mentioned in the film and their effects on film narrative, in order to discuss how intertextuality enables the production of meaning. For this analysis the origin of this concept is researched, confronting the dialogism of Mikhail Bakhtin with Kristeva's texts. Kristeva also developed the concepts of ambivalence and transposition, terms that are used later on by other authors. During the analysis it was possible to see through the intertexts in the film the Prometheus theme repeated in the nature of fictional creation, where creator face decay, the similarities between the representations of mentors in fiction in relation with the epic hero's journey, as the use of ecphrasis as an anticipation of the outcome of the story and the formation of the identity of the characters work through dialogue.
Palavras-chave: intertextualidade;  cinema;  literatura;  Julia Kristeva;  intertextuality;  literature;  cinema;  Julia Kristeva
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::TEORIA LITERARIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Letras
Programa: Letras
Citação: GOMES JÚNIOR, Edmundo. Mal sabia ele... : a intertextualidade literária no filme Mais estranho que a ficção. 2013. 114 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/2184
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13906
Data de defesa: 12-Dez-2013
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2184/1/Edmundo%20Gomes%20Junior.pdf
Aparece nas coleções:Letras - Dissertações - CCL Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.