Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13904
Tipo do documento: Dissertação
Título: Memória e identidade do aluno da EJA em relatos autobiográficos
Autor: Carvalho, Adenivan Mendes
Primeiro orientador: Vasconcelos, Maria Lúcia Marcondes Carvalho
Primeiro membro da banca: Barros, Diana Luz Pessoa de
Segundo membro da banca: Casagrande, Nancy dos Santos
Resumo: Muitos docentes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) desconhecem a realidade de vida dos seus alunos e isso dificulta sensivelmente a interação professor-aluno, obstaculizando o processo ensino-aprendizagem. Sabe-se que a EJA no Brasil, bem como o analfabetismo, assinalam a grande desigualdade social de uma parcela significativa da população brasileira, reforçando um processo de exclusão social. Nessa modalidade de ensino, é fundamental que professores preocupem-se em conhecer a história de vida de seus alunos, seus anseios, sua cultura, seu repertório linguístico, buscando um processo de ensino-aprendizagem que seja respeitoso e, ao mesmo tempo, produtivo. Conhecer o alunado da EJA é condição para que se minimize a possibilidade de ver, mais uma vez, o fracasso escolar e a evasão ocorrerem. A análise das políticas públicas brasileiras voltadas para a erradicação do analfabetismo e, na sequência, a reconstrução do caminho percorrido pela Educação de Jovens e Adultos no percurso da história da educação brasileira demonstram o pouco investimento nessa modalidade, ocasionando exclusão econômica, social e política da população carente. Por meio das autobiografias, verdadeiros discursos memorialísticos produzidos pelos alunos da EJA, nas quais eles traçam um perfil de suas vidas, faz-se a aproximação entre memória e identidade, oferecem-se ao professor, em sua tarefa didático-pedagógica, subsídios para conhecer melhor o jovem e o adulto. Como recurso metodológico, para analisar os textos produzidos pelos alunos pesquisados, a análise de conteúdo, segundo Bardin (2011), foi utilizada.
Abstract: Many teachers of Education of Youth and Adults (EJA) are unaware of the reality of life of their students and this significantly complicates the teacher-student interaction, hindering the teaching-learning process. It is known that the EJA in Brazil, as well as illiteracy, notice a great social inequality of a significant portion of the Brazilian population, reinforcing a process of social exclusion. In this modality of education, it is essential that teachers worry in knowing the history of their students' lives, their aspirations, their culture, their language repertoire, seeking a teaching-learning process that is respectful and at the same time, productive. To know the pupils of EJA is a condition to minimize the possibility of seeing, once again, the occurrence of school failure and evasion. The analysis of Brazilian public policies for the eradication of illiteracy and, following the reconstruction of the path taken by the Education of Youth and Adults in the path of the history of Brazilian education demonstrates little investment in this modality, causing economic, social and political exclusion of poor population. Through the autobiographies, true memoirs discourses produced by the students of EJA, in which they trace a profile of their lives, makes a closer relationship between memory and identity, is offered to the teacher, in his/her didactic-pedagogic task, subsidies to know better the young and adult. As a methodological resource to analyze the texts produced by the students surveyed, the Content Analysis, according to Bardin (2011), was used.
Palavras-chave: educação de jovens e adultos;  relato autobiográfico;  memória;  identidade;  análise de conteúdo;  education of youth and adults;  autobiographical report;  memory;  identity;  content analysis
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Letras
Programa: Letras
Citação: CARVALHO, Adenivan Mendes. Memória e identidade do aluno da EJA em relatos autobiográficos. 2014. 172 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/2182
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13904
Data de defesa: 4-Fev-2014
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2182/1/Adenivan%20Mendes%20Carvalho.pdf
Aparece nas coleções:Letras - Dissertações - CCL Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.