Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13618
Tipo do documento: Dissertação
Título: A importância do movimentar-se para a vida humana: aspectos históricos, educacionais e do cotidiano
Autor: Marchioreto, Fábio
Primeiro orientador: Masini, Elcie Aparecida Fortes Salzano
Primeiro membro da banca: Freire, Elisabete dos Santos
Segundo membro da banca: Manoel, Edison de Jesus
Resumo: Este trabalho trata da importância do movimentar-se para a vida humana com o objetivo de qualificar as experiências escolares de jovens relacionadas ao que aprenderam na escola e permaneceu em suas vidas cotidianas; o que destas experiências significou a aprendizagem de conhecimento relativo ao movimentar-se na perspectiva histórico-evolutiva da humanidade e suas projeções para o futuro (biocibernética). Fundamentou-se teoricamente em ideias de alguns autores, como José Guilmar Mariz de Oliveira, Go Tani, Edison de Jesus Manoel sobre a Cinesiologia Humana, Richard Dawkins, Richard Foley, Jared Diamond, Richard Leakey e a História Evolutiva, Michel de Foucault, Edgar Morin sobre os aspectos relacionados a Educação Escolar e o paradigma simplificador, disciplinador e dualista. A pesquisa seguiu as diretrizes do método fenomenológico de investigação ao registrar a fala e os gestos de alunos que estão terminando a Educação Escolar Básica na cidade de São Paulo. A reflexão realizada a partir da análise dos dados evidenciou uma dificuldade dos alunos na articulação das respostas relacionadas ao movimentar-se na história da cultura, mostrando falta de repertório para lidar com o tema. Com relação ao futuro projetaram uma situação paradoxal entre o movimentar-se e a cibernética, ao apontar benefícios como a recuperação da locomoção bípede por um lado e por outro ao identificar o futuro da relação humano-máquina como algo sombrio através da crescente sedentarização humana. Com relação ao movimentar-se no ambiente escolar os alunos identificaram uma dicotomia entre a quase ausência de movimento nas aulas que acontecem na sala de aula e o movimentar-se nas aulas de Educação Física, porém, ao qualificar as experiências relacionadas às aulas de Educação Física, interpretaram este componente curricular como desarticulado do compromisso de ensinar conhecimentos conceituais, procedimentais e atitudinais, o que pouco ou quase nada contribui para suas vidas cotidianas.
Abstract: This work, which deals with the importance of movement to human life, aimed to qualify the school experiences related to the movement of young people, specifically the ones learned in school and that remained in their everyday lives, what from these experiments meant learning of knowledge related to the movement in the historical and evolutionary perspective of humanity and its projections for the future (biocybernetics). It is theoretically grounded in ideas of some authors, like Jose Guilmar Mariz de Oliveira, Go Tani, Edison Jesus Manoel on Human Kinesiology, Richard Dawkins, Richard Foley, Jared Diamond, Richard Leakey history of evolution, Michel Foucault, Edgar Morin on aspects related to school education and the simplifier, disciplinarian and dualistic paradigm. The research followed the guidelines of the phenomenological method as the speech and gestures of students who are finishing the School Basic Education in São Paulo. The reflection made from the data analysis indicated students difficulty in articulating answers related to the movement in the history of culture, showing a lack of repertoire for dealing with the topic. As for the future, they forecasted a paradoxical situation between moving and cybernetics by, on the one hand, pointing out benefits like bipedal locomotion recovery and on the other hand to identify the future of human-machine interface as something dark by increasing human sedentary lifestyle. Regarding movement in the students school environment, they identified a dichotomy between the near absence of movement in the classes that take place in the classroom and the movement in Physical Education classes. However, by describing the experiences related to Physical Education classes, they interpreted this curriculum component as disconnected from the commitment to teach conceptual, procedural and attitudinal knowledge, what added little or nothing to their everyday lives.
Palavras-chave: movimentar-se;  bipedalismo;  evolução;  história;  cinesiologia humana;  educação escolar;  currículo;  movement;  bipedalism;  evolution;  History;  human kinesiology;  school education;  curriculum
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::FUNDAMENTOS DA EDUCACAO::ANTROPOLOGIA EDUCACIONAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Educação, Arte e História
Programa: Educação, Arte e História da Cultura
Citação: MARCHIORETO, Fábio. A importância do movimentar-se para a vida humana: aspectos históricos, educacionais e do cotidiano. 2015. 188 f. Dissertação (Mestrado em Educação, Arte e História) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/1928
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13618
Data de defesa: 6-Fev-2015
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/1928/1/Fabio%20Marchioreto.pdf
Aparece nas coleções:Educação, Arte e História da Cultura - Dissertação - CEFT Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.