Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13498
Tipo do documento: Dissertação
Título: Embalagem: um conceito do imagético perecível
Autor: Quaresma, Carla Ronchi
Primeiro orientador: Azevedo, Wilton Luiz de
Primeiro membro da banca: Tiburi, Marcia Angelita
Segundo membro da banca: Bastos Filho, Heliodoro Teixeira
Resumo: O presente estudo aborda aproximações dos conceitos de embalagem e imagem e, considera os impactos tecnológicos que viabilizam a reprodução de embalagens-imagens em série apontando o ―uso‖ ou ―consumo efêmero‖ das imagens descartáveis. Retrata um histórico das embalagens de consumo no Brasil paralelamente com pesquisadores que abordam conceitos de design, comunicação e imagem e busca a interdisciplinaridade das características selecionadas. Destaque para ―O mundo codificado‖ de Flusser (2007) como principal suporte. Explana a dependência humana frente à fabricação e utilização de embalagens. A questão é identificar seus aspectos comunicativos e intersubjetivos, além de analisá-la sob o ponto de vista do perecível. Neste ínterim depara-se então com Christo Javacheff e Jeanne-Claude e seus famosos ―empaquetages‖. Ao se buscar uma perspectiva histórica das embalagens de produtos, optou-se em apontar e extrair os principais fatos da sua evolução no Brasil. Aborda o ato de embalar diante da sociedade de consumo, em diálogo com os estudos de Certeau e Baudrillard, que investigam o comportamento da sociedade frente ao uso desses tipos de imagens e representações. Reconhece a embalagem como imagem, diante da saturação imagética da atualidade. Depara-se com o termo ―imago‖, que segundo Debray era a máscara moldada a partir do rosto de um morto e chega-se a Flusser e sua teoria sobre a codificação do mundo, na qual nos chama a atenção o fato de vivermos na era da saturação imagética e surgem dois campos complexos: a imagem e a comunicação. A banalização da imagem na sociedade de consumo é observada nas obras de Andy Warhol, crítico à comunicação visual e por fim, Baitello Junior que inaugura o termo ICONOFAGIA que lembra os rituais antropofágicos praticados pelos índios
Abstract: The present study examines the approaches of concepts of package and image, and considering the impact technology that enable the reproduction of images in series packs-pointing the "use" or "ephemeral use" disposable images. Portrays a history of consumer packages in Brazil along with researchers dealing with concepts of design, communication and image search and the interrelationship of selected features. Highlights: "The world is coded" Flusser's (2007) as main support. Explains the human dependence front on manufacturing and use of packages. The issue is to identify aspects of communicative and intersubjective, and analyze it from the point of view of the perishable. Meanwhile faced then with Javacheff Christo and Jeanne-Claude and his famous "empaquetage‖. When you get a historical perspective of product package, it was decided to point and extract the main facts of its development in Brazil. It addresses the act of packing before the consumer society, in dialogue with Baudrillard and de Certeau studies that investigate the behavior of society towards the use of these types of images and representations. Recognizes the package as an image, given the saturation of current imagery. Faced with the term "imago" which was the second Debray mask molded from the face of a corpse and comes to Flusser and his theory on the codification of the world in which our attention the fact that we live in age of imagery and saturation arise two complex fields: the image and communication. The banality of the image in consumer society is seen in the works of Andy Warhol, critical to visual communication and ultimately Baitello Junior that inaugurates the term iconophagy that recalls the antropophagics rituals practiced by the Indians
Palavras-chave: embalagem;  imagem;  comunicação;  efemeridade;  package;  image;  communication;  ephemerality
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Educação, Arte e História
Programa: Educação, Arte e História da Cultura
Citação: QUARESMA, Carla Ronchi. Embalagem: um conceito do imagético perecível. 2011. 91 f. Dissertação (Mestrado em Educação, Arte e História) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/1799
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13498
Data de defesa: 23-Fev-2011
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/1799/1/Carla%20Ronchi%20Quaresma.pdf
Aparece nas coleções:Educação, Arte e História da Cultura - Dissertação - CEFT Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.