Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13460
Tipo do documento: Tese
Título: A (re) significação do mundo: um olhar sobre atividades estético-culturais dos moradores de calçada
Autor: Pilan, Hânia Cecília
Primeiro orientador: Giora, Regina Célia Faria Amaro
Primeiro membro da banca: Souza Neto, João Clemente de
Segundo membro da banca: Pazinato, Patricia
Terceiro membro da banca: Stori, Norberto
Quarto membro da banca: Bernardo, Patricia Pinna
Resumo: O objeto de estudo desta tese consiste na análise de narrativas do cotidiano dos moradores de calçada da cidade de São Paulo quanto as suas (Re) significações que adentram o campo das necessidades estéticas. O ser humano, complexo e ao mesmo tempo transparente, no afã de ser alguém significante, usa de mecanismos para sobreviver como indivíduo dentro da sociedade. E, quando excluído do grupo ao qual pertence, tem necessariamente que se (Re) significar, para inserir-se em um novo grupo. No caso dos moradores de calçada, essa ação é exacerbada tornando mais evidente a necessidade de expressão e o uso de arquétipos na batalha contra a invisibilidade dentro de seu grupo social e se possível, conseguindo se destacar entre seus pares. As narrativas, realizadas por meio de entrevistas, possibilitaram adentrar em um mundo paralelo, onde nem o tempo tem a mesma valia e marcação como fomos aculturados. Para compreender as narrativas deste mundo (Re) significado diariamente e atingir os objetivos propostos foi usado como referencial teórico o estudo de representações sociais, com os fundamentos da psicologia histórico-cultural, a psicologia profunda e os contextos e conceitos da arte. Apoiada nessas fontes bibliográficas, documentais, e principalmente na pesquisa participante de campo, foi possível articular uma discussão sobre as necessidades estéticas dos moradores de calçada no seu contexto sócio-histórico e sua necessidade de (Re) significação. Dentre os inúmeros analisados, escolhemos quatro protagonistas pelas suas produções estético sensíveis, que exemplificam o segmento social ao qual pertencem, para serem objeto de análise de suas (Re) significações. Entre eles pudemos encontrar heróis, homens de fé, poetas, pintores, performáticos, bricoleurs, que fazem da arte a mola propulsora da sua projeção social, arquétipos que se apresentam para (Re) significar seu mundo.
Abstract: The subject of this thesis is the analysis of the everyday life narratives of Sao Paulo's sidewalk residents and its (Re) meanings that enter the field of aesthetic needs. The human being is complex and at the same time transparent, desiring to be someone significant, uses mechanisms to survive as an individual among the society. And, when excluded from the group to which he belongs, he necessarily must (Re) mean, in order to join a new group. In the case of sidewalk residents, this action is exacerbated, becoming more evident the necessity of expression and the use of archetypes in the battle against invisibility within their social group and if possible, achieving to stand out among his peers. The narratives, conducted through interviews, allowed penetrate into a parallel world where neither time has the same value and setting as we were used to. In order to understand the narratives of this (Re) meaning world daily and achieve the proposed objectives, it was used as a theoretical study of social representations, with the cultural-historical psychology foundations, depth psychology and art contexts and concepts. Supported by these bibliographical sources, documentary, and especially in the participatory field research, it was possible to articulate a discussion of the aesthetic needs of the sidewalk's residents in their socio-historical context and their need to (re) signification. Among the various analyzed, we have chosen four main characters for their sensible aesthetic productions, which demonstrate the social segment in which they belong, to be analysis objects of their (RE) meanings. Among them, we were able to find heroes, faithful man, poets, painters, performers, bricoleurs, who have art as their mainspring of their social development, presenting archetypes to (Re) mean their world.
Palavras-chave: ressignificação;  arquétipo;  criatividade;  exclusão;  estética;  arte;  morador de calçada;  morador de rua;  re-signification;  archetype;  creativity;  exclusion;  esthetic;  arte;  dweller sidewalk;  neighbor street
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES::FUNDAMENTOS E CRITICA DAS ARTES
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Educação, Arte e História
Programa: Educação, Arte e História da Cultura
Citação: PILAN, Hânia Cecília. A (re) significação do mundo: um olhar sobre atividades estético-culturais dos moradores de calçada. 2012. 308 f. Tese (Doutorado em Educação, Arte e História) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/2069
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13460
Data de defesa: 17-Ago-2012
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/2069/1/Hania%20Cecilia%20Pilan.pdf
Aparece nas coleções:Educação, Arte e História da Cultura - Teses - CEFT Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.