Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13280
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliando a satisfação profissional de pessoas com deficiência no ambiente de trabalho
Título(s) alternativo(s): Assessing job satisfaction of people with disabilities in the workplace
Autor: Mussi, Giuliano Michel
Primeiro orientador: Carvalho, Sueli Galego de
Primeiro membro da banca: Mazzotta, Marcos José da Silveira
Segundo membro da banca: Amiralian, Maria Lucia Toledo Moraes
Resumo: Este estudo teve como objetivo avaliar a satisfação profissional de pessoas com deficiência no ambiente de trabalho. Adotando uma abordagem quantitativa, foi adaptado um instrumento já validado por Carvalho-Freitas (2007), onde buscou identificar o nível de satisfação em oito grandes itens (Remuneração, Condições de Trabalho, Desenvolvimento de Capacidades, Oportunidade de Crescimento Profissional, Integração Social na Instituição, Direitos na Instituição, Equilíbrio: Trabalho e Vida e Relevância de seu trabalho). Os resultados obtidos deixam claro que, o grupo com maior satisfação foi composto de mulheres (66,67%), 33,33% tinham nível superior sendo que, 50% desse total eram pós-graduadas, com deficiência física (83,33%), desempenhando suas atividades profissionais em empresas públicas e privadas (50%), com tempo de serviço entre 5-10 anos (50%), com idade entre 45-60 anos (43,50%), com uma jornada de trabalho de 8 horas diária (50%). Já o grupo com menor índice de satisfação foi o grupo 3 (n=6); a maioria da amostra do grupo foi composta de mulheres (66,67%), todas com deficiência física (100%), com idade entre 30-45 anos (50%), atuando em instituições privadas (83,33%), com ensino superior (66,67%), nenhuma com curso de pós-graduação; com tempo de empresa variando entre 5-10 anos (50%), com uma jornada de trabalho que varia de 6 horas (16,67%) à 8 horas (83,33%). Fica claro a necessidade de novos estudos sobre a temática com a intenção de obter dados que melhoram a caracterização da satisfação de profissionais com deficiência no ambiente de trabalho.
Abstract: This study aimed to evaluate job satisfaction of people with disabilities in the workplace. Adopting a quantitative approach was adapted an instrument previously validated by Carvalho-Freitas (2007), which sought to identify the level of satisfaction in eight large items (Pay, Working Conditions, Capacity Development, Growth Opportunity Professional, Social Integration in the Institution , the Rights Institution, Balance: work and Life and relevance of their work). The results make it clear that the group with the highest satisfaction was composed of women (66.67%), 33.33% had higher education and, 50% of this total had postgraduate degrees, with a physical disability (83.33% ), performing their professional activities in public and private companies (50%), with service time between 5-10 years (50%), aged 45-60 years (43.50%), with a workload of 8 hours daily (50%). The group with the lowest rate of satisfaction was the group 3 (n = 6), the majority of the sample group was composed of women (66.67%), all physically disabled (100%), aged 30-45 years (50%), working in private institutions (83.33%), with higher education (66.67%), with no course graduate, with tenure ranging between 5-10 years (50%), with a workload that ranges from 6 hours (16.67%) to 8 hours (83.33%). Clearly the need for further research into the topic with the intention of obtaining data that improve the characterization of the satisfaction of professionals with disabilities in the workplace.
Palavras-chave: trabalho;  pessoas com deficiência;  inclusão social;  motivação;  labor;  people with disabilities;  inclusion;  motivation
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Psicologia
Programa: Distúrbios do Desenvolvimento
Citação: MUSSI, Giuliano Michel. Assessing job satisfaction of people with disabilities in the workplace. 2012. 73 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Embargado
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/1589
Data de defesa: 23-Nov-2012
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/1589/3/Divulga%C3%A7%C3%A3o%20n%C3%A3o%20autorizada%20pelo%20autor.docx
Aparece nas coleções:Distúrbios do Desenvolvimento - Dissertações - CCBS Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.