Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13229
Tipo do documento: Dissertação
Título: Estudo preliminar sobre potenciais cognitivos em tarefa de tomada de decisão social
Autor: Campanhã, Camila
Primeiro orientador: Boggio, Paulo Sérgio
Primeiro membro da banca: Macedo, Elizeu Coutinho de
Segundo membro da banca: Sato, João Ricardo
Resumo: Decisões envolvem considerações cuidadosas sobre os riscos e benefícios envolvidos em uma determinada escolha. Por vivermos em sociedade, estas constantes escolhas estão relacionadas não só aos nossos interesses pessoais. Nesse sentido, a interação social tem um importante papel, pois o outro faz parte de um contexto no qual avaliamos possíveis decisões. Estudos prévios mostram a importância da confiança e da empatia em processos de decisão. Nessa direção, Boudreau, McCubbins e Coulson (2009) mostraram que a confiança no outro interfere na resposta comportamental e também nos potenciais cognitivos registrados durante o teste. Entretanto, assim como em outros estudos, a confiança foi estudada pela orientação ao participante de que este estaria sendo orientado por outro ser - humano uma pessoa desconhecida). O uso de uma pessoa desconhecida limita a discussão a respeito do papel da confiança envolvida em processos decisórios. Dessa forma este estudo busca investigar os processos decisórios em uma tarefa na qual o participante levou ao laboratório uma pessoa (amigo de alta confiança) que funcionará como propositor. Além disso, ainda são poucos os estudos investigando potenciais relacionados a evento em tarefa de decisão social. Com isso, este estudo buscou compreender o papel da confiança em processos de decisão analisando o desempenho comportamental em tarefa adaptada do teste Ultimatum Game e também os potenciais cognitivos coletados simultaneamente. Entre os principais achados, encontrou-se uma alteração na percepção de justiça (o que na realidade não havia diferença) e, por conseqüência, uma alteração na tomada de decisão com maior aceite de propostas na condição de interação com a pessoa de confiança em comparação com os outros propositores. Além disso, os potenciais P3, FN e LPC foram modulados pelo impacto da confiança, pela interferência da internalização moral e apresentaram diferenças entre gênero. Este estudo pode aumentar o conhecimento sobre as bases neurobiológicas e comportamentais de processos decisórios envolvendo interação social, confiança e empatia.
Abstract: Decisions engage careful consideration of the risks and benefits involved in a particular choice. As we live in society, these choices are not only related to our personal interests. Therefore, social interaction has an important role, because the other is part of the context in which we evaluate decisions. Previous studies show the importance of trust and empathy in decision-making processes. In fact, Boudreau, McCubbins and Coulson (2009) showed that trust in another person interferes with behavioral response and also in event related potentials recorded during the test. However, as in other studies, trust was studied by the instruction given to participants that they will base their choices by reports made by another human being - unknown person. The use of an unknown person limits the interpretation of the role of trust involved in decision making processes. Thus this study aims to investigate the decision making processes in a task in which the participant brought to the lab a person (a trusted friend) that act as reporter. In addition, there are few studies investigating event-related potentials in tasks of social decision. Therefore, this study aim to understand the role of trust in decision-making by analysis of behavioral performance in an adapted version of the Ultimatum Game task and also investigate the event related potentials collected simultaneously. Among the main findings, we found a change in the perception of fairness (in fact there was no difference) and, consequently, a change in decision-making with more acceptance of proposals on the condition of interaction with the trusted person than other proposers. Moreover, the P3, FN and LPC potential were modulated by the impact of trust, and by moral internalization, and differed between genders. This study may increase knowledge about the neurobiological bases of behavior and decision making processes involving social interaction, trust and empathy.
Palavras-chave: tomada de decisão social;  teoria da mente;  potencial cognitivo;  confiança;  empatia;  social decision making;  theory of mindy;  cognitive event-related potential;  trust;  empathy
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Psicologia
Programa: Distúrbios do Desenvolvimento
Tipo de acesso: Acesso Embargado
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/1538
Data de defesa: 14-Dez-2010
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/1538/3/Divulga%C3%A7%C3%A3o%20n%C3%A3o%20autorizada%20pelo%20autor.docx
Aparece nas coleções:Distúrbios do Desenvolvimento - Dissertações - CCBS Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.