Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13114
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliando a influência de indivíduos imunes na propagação de doenças contagiosas
Autor: Moraes, Ana Leda Silva
Primeiro orientador: Monteiro, Luiz Henrique Alves
Primeiro membro da banca: Omar, Nizam
Segundo membro da banca: Berlinck, José Guilherme de Souza Chaui Mattos
Resumo: Epidemiologia é a ciência que estuda as ocorrências de doenças numa população. Os resultados desses estudos permitem uma compreensão do comportamento da incidência da doença e possibilita ações a fim de controlar epidemias. Há vários modelos matemáticos que são utilizados para estudos epidemiológicos, sendo modelos do tipo SIR os mais empregados. Nesse modelo, divide-se a população em três classes: 𝑆 - indivíduos suscetíveis à infecção, 𝐼 - indivíduos infectados, e 𝑅 - indivíduos recuperados. A proposta desta dissertação é, a partir de um novo modelo SIR, levar em consideração o efeito de indivíduos recuperados na propagação de doenças contagiosas e na recuperação de indivíduos doentes. Isso pode ser relevante no estudo da propagação de infecções típicas de crianças, já que indivíduos imunes podem servir como catalisador de encontros entre crianças suscetíveis e crianças infectadas, bem como contribuir para a recuperação de indivíduos doentes. A capacidade preditiva do modelo proposto é avaliada a partir dos registros referentes à incidência de varicela na Alemanha, Bélgica e Itália, numa era pré-vacinação.
Abstract: Epidemiology is the science that studies the occurrence of diseases in a population. The results of these studies allow a comprehension of a disease propagation and enable actions in order to control epidemics. There are many mathematical models used in epidemiological studies; in which SIR-like models are the most used. In this model, the population is divided into three groups: S - susceptible individuals to infection, I - infected individuals, and R - recovered individuals. The proposal of this thesis is, based on a new SIR model, taking into consideration the effect of recovered individuals on the propagation of contagious diseases and on the recovery of sick individuals. This can be relevant to the study of propagation of typical diseases in children, since immune individuals can catalyze the encounters among susceptible children and infected children, as well as to contribute to the recovery of sick individuals. The predictive ability of the proposed model is evaluated from the records refering to the incidence of chickenpox in Belgium, Germany and Italy, in a pre-vaccination era.
Palavras-chave: autômato celular probabilista;  doenças contagiosas;  epidemiologia;  equações diferenciais ordinárias;  modelo matemático;  varicela;  contagious diseases;  epidemiology;  mathematical model;  ordinary differential equations;  probabilistic cellular automaton;  varicella
Área(s) do CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA ELETRICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Engenharia Elétrica
Programa: Engenharia Elétrica
Citação: MORAES, Ana Leda Silva. Avaliando a influência de indivíduos imunes na propagação de doenças contagiosas. 2016. 56 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Elétrica) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/1471
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13114
Data de defesa: 1-Fev-2016
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/1471/1/ANA%20LEDA%20SILVA%20MORAES.pdf
Aparece nas coleções:Engenharia Elétrica - Dissertações - EE Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.