Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13035
Tipo do documento: Dissertação
Título: Emprego de comitê de máquinas para segmentação da íris
Autor: Schneider, Mauro Ulisses
Primeiro orientador: Lima, Clodoaldo Aparecido de Moraes
Primeiro membro da banca: Omar, Nizam
Segundo membro da banca: Coelho, André Luís Vasconcelos
Resumo: A utilização de sistemas biométricos vem sendo amplamente; incentivados pelo governo e entidades privadas a fim de substituir ou melhorar os sistemas de segurança tradicionais. Os sistemas biométricos são cada vez mais indispensáveis para proteger vidas e bens, sendo robustos, confiáveis, de difícil falsificação e rápida autenticação. Em aplicações de mundo real, os dispositivos de aquisição de imagem e o ambiente nem sempre são controlados, podendo em certas circunstâncias produzir imagens ruidosas ou com grandes variações na tonalidade, textura, geometria, dificultando a sua segmentação e por conseqüência a autenticação do indivíduo. Para lidar eficazmente com tais problemas, nesta dissertação é estudado o emprego de comitês de máquinas em conjunto com técnicas de processamento de imagens digitais para a segmentação da íris. Os componentes estudados na composição do comitê de máquinas são agrupamento por vetores-suporte, k-means e mapas auto- organizáveis. Para a avaliação do desempenho das ferramentas desenvolvidas neste trabalho, os resultados obtidos são comparados com trabalhos relacionados na literatura. Foi utilizada a base de dados pública UBIRIS disponível na internet.
Abstract: The use of biometric systems has been widely stimulated by both the government and private entities to replace or improve traditional security systems. Biometric systems are becoming increasingly indispensable to protecting life and property, mainly due to its robustness, reliability, difficult to counterfeit and fast authentication. In real world applications, the devices for image acquisition and the environment are not always controlled and may under certain circumstances produce noisy images or with large variations in tonality, texture, geometry, hindering segmentation and consequently the authentication of the an individual. To deal effectively with such problems, this dissertation investigates the possibility of using committee machines combined with digital image processing techniques for iris segmentation. The components employed in the composition of the committee machines are support vector clustering, k-means and self organizing maps. In order to evaluate the performance of the tools developed in this dissertation, the experimental results obtained are compared with related works reported in the literature. Experiments on publicity available UBIRIS database indicate that committee machine can be successfully applied to the iris segmentation.
Palavras-chave: sistemas biométricos;  comitê de máquinas;  segmentação da íris;  agrupamento por máquinas de vetores suporte;  k-means;  mapas auto organizável de Kohonen;  biometric systems;  committee machine;  iris segmentation;  support vector clustering;  k-means;  self organizing maps
Área(s) do CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA ELETRICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Engenharia Elétrica
Programa: Engenharia Elétrica
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/1390
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/13035
Data de defesa: 23-Ago-2010
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/1390/1/Mauro%20Ulisses%20Schneider.pdf
Aparece nas coleções:Engenharia Elétrica - Dissertações - EE Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.