Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12584
Tipo do documento: Dissertação
Título: Determinantes para empresas multinacionais de médio porte a adoção das IFRS FULL ou da IFRS SME e a definição de suas políticas contábeis
Autor: Medina, Renata de Souza Ferreira
Primeiro orientador: Grecco, Marta Cristina Pelucio
Primeiro membro da banca: Oyadomari, José Carlos Tiomatsu
Segundo membro da banca: Murcia, Fernando Dal Ri
Resumo: O objetivo geral deste trabalho é identificar fatores que direcionam as empresas multinacionais de médio porte à adoção das IFRS Full ou da IFRS SME. Para isso, baseou-se, na Teoria Institucional, a qual fornece subsídios teóricos para identificar o porquê às empresas fazem essa escolha. Buscou identificar, ainda, sob qual mecanismo de mudança institucional as empresas buscam legitimação no processo de adoção das normas internacionais, sejam eles, coercitivo, mimético e/ou normativo. A amostra desta pesquisa foi composta por oito profissionais responsáveis pela tomada de decisão dos processos contábeis dessas empresas, os quais foram selecionados pelo critério de acessibilidade. Para realização desta pesquisa foram efetuadas entrevistas semiestruturadas, as quais permitem maior profundidade na investigação do problema. Os materiais coletados foram analisados utilizando a técnica de análise de conteúdo de Bardin (2007). Por meio dos resultados obtidos, foi possível identificar que as empresas, foco deste estudo, escolhem como first option, a adoção das IFRS Full. Pôde-se perceber que esta decisão está vinculada a capacitação técnica do profissional, paralelamente à perspectiva de crescimento dessas empresas a um período de curto a médio prazo. Verificou-se que os profissionais, que atuam nessas empresas, não efetuam análises das escolhas contábeis disponíveis nos dois modelos, demonstrando não haver relação entre escolha e avaliação do modelo que melhor se adeque as operações e aos resultados. Como fatores inibidores, identificou-se, a baixa priorização/importância à adoção pelas companhias, a baixa interferência de terceiros e a baixa interferência da matriz. Como fator indutor à adoção das normas internacionais, somente foi identificado, à capacitação profissional, a qual, por meio da pressão normativa e mimética, pôde ser percebida a busca pela legitimação. Ainda, buscando validar e aprofundar os resultados dessa pesquisa buscou-se junto ao órgão de classe, CRC SP, e junto as empresas de auditoria Big Four, à avalição dos resultados obtidos, uma vez que foram frequentemente citados pelos profissionais. Para esta avaliação foram apresentados os principais pontos levantados pelos profissionais, como, à necessidade de se ter um órgão de classe mais atuante e a necessidade de apoio das empresas de auditoria junto ao corpo diretivo dessas companhias, a fim de impulsionar o processo de adoção e também gerar responsabilização às empresas nesse processo, além da responsabilização dos profissionais.
Abstract: The general objective of this study is to identify what factors lead medium-sized multinational companies to adopt IFRS Full or IFRS SME. In order to do so, the Institutional Theory was applied as research basis since it provides theoretical ground for the identification of the reason why companies make such a choice. This work also sought to identify which institutional changing mechanisms, whether coercive, mimetic and/or normative, are present when companies look for legitimacy in the process of adopting norms. The sample presented here comprises eight professionals responsible for decision making in accounting processes working for the referred companies, selected according to an availability criteria. This researched was carried out applying semi-structured interviews, which allow a deeper investigation of the issue. Collected material has been analyzed through Bardin's Technical Analysis of Content (2007). From the results, it was possible to identify that the companies have the IFRS Full as their first choice. It was also found that such decision is bound to the technical skill of the professional in charge, along with the growing perspective for the company within a short term. The professionals working in such companies do not analyze the available accounting choices in both cases, demonstrating that there is no relationship between the choice made and the evaluation of the model that best suits operations and results. Little prioritization/relevance by companies in adopting norms, as well as little interference by third parties and little interference by the mother company were found as inhibiting factors. As for the encouraging factor, the study found that the capacity of the professional in charge responds for the adoption of norms, which takes place as a result of normative and mimetic pressure when companies search for legitimacy. In addition, we submitted the results of this research to the Accounting Council (CRC SP) and the Big Four consulting firm, in order to have them validated and deepened, since those two have been often mentioned by the professionals. Such consulting raise aspects mostly approached by the professionals, i.e. the need for a more effective professional class representation and a support from auditing firms with the board of directors of the companies studied, in order to propel the processes of adopting norms and also to generate a sense of responsibility by the companies in such processes, besides holding the accounting professionals responsible.
Palavras-chave: teoria institucional;  fatores indutores e inibidores;  normas internacionais de contabilidade (IFRS FULL e IFRS SME);  empresas multinacionais de médio porte;  institutional theory;  encouraging and inhibiting factors;  international finance reports standard (IFRS Full and IFRS SME);  medium-sized multinational companies
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::CIENCIAS CONTABEIS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Ciências Contábeis
Programa: Controladoria Empresarial
Citação: MEDINA, Renata de Souza Ferreira. Determinantes para empresas multinacionais de médio porte a adoção das IFRS FULL ou da IFRS SME e a definição de suas políticas contábeis. 2015. 127 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/968
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12584
Data de defesa: 31-Jul-2015
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/968/1/Renata%20de%20Souza%20Ferreira%20Medinaprot.pdf
Aparece nas coleções:Profissional em Controladoria Empresarial - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.