Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12534
Tipo do documento: Dissertação
Título: Uso dos sistemas de controle gerencial, técnicas de gestão e o desempenho de empresas do setor de autopeças
Autor: Nisiyama, Edelcio Koitiro
Primeiro orientador: Oyadomari, José Carlos Tiomatsu
Primeiro membro da banca: Bido, Diógenes de Souza
Segundo membro da banca: Frezatti, Fabio
Resumo: Esta pesquisa estudou os relacionamentos entre os usos do Sistema de Controle Gerencial (SCG), técnicas de gestão das operações e o desempenho em indústrias brasileiras de autopeças. Utilizou-se o modelo de Simons (Levers of Control) para caracterizar os usos do sistema de controle gerencial através das dimensões do uso diagnóstico e uso interativo. As práticas de gestão operacional, tais como a TQM (Total Quality Management) e Programas de Melhoria Contínua, visam também conseguir a vantagem competitiva e melhoria de desempenho das empresas. Os efeitos no desempenho foram mensurados através da redução de custos e do lançamento de novos produtos de forma a mostrar os efeitos no desempenho operacional e no processo de inovação, tendo como suporte os conceitos da VBR (Visão Baseada em Recursos), por meio de um survey com questionários respondidos por 98 empresas do setor, cujos dados foram analisados com a técnica de análise multivariada Modelagem de Equações Estruturais com o método de estimação PLS (Partial Least Square). Os resultados indicam que o uso diagnóstico do SCG está associado positivamente com as metas de redução de custos, e o uso interativo do SCG está associado positivamente com os objetivos de lançamento de novos produtos. Este resultado do uso interativo está em linha com Henri (2006) e Oyadomari et al (2011) que mostraram a influência do uso interativo nas competências organizacionais entre as quais está a inovação. Os resultados sugerem também que o uso das técnicas de gestão das operações influencia positivamente a redução de custos, entretanto, a hipótese de associação com as metas de lançamento de novos produtos não foi validada estatisticamente. Os resultados desta pesquisa devem ser analisados à luz das limitações deste tipo de pesquisa que considerou percepções de gestores de uma amostra não probabilística em um modelo que simplifica a realidade deixando de fora outras variáveis que podem influenciar as relações analisadas.
Abstract: This research studied the relationships among the Management Control System (MCS), the Operations Management techniques and the performance in the Brazilian autoparts industry. The Simons framework (Levers of Control) was used to characterize the uses of the management control system through the dimensions of the diagnostic use and interactive use. The practices of the operations management, such as the TQM (Total Quality Management) and the Continuous Improvement Programs, also aims to get the competitive advantage and performance improvement of the firms. The effects on the performance were measured through the cost reduction and introduction of new products in order to show the effects on the operational performance and on the innovation process, supported by the concepts of the Resource-Based View (RBV), by means of a survey with questionnaires which were answered by 98 firms of the autoparts industry whose data were analyzed with a multivariate analysis technique, Structural Equation Model, with the estimation model of PLS (Partial Least Square). The results indicate that the diagnostic use of MCS is positively associated to the targets of cost reduction, and the interactive use of MCS is positively associated to the objectives of introduction of new products. This result of the interactive use is in line with Henri (2006) and Oyadomari et al (2011) who showed the influence of the interactive use on the organizational capabilities which include the innovation. The results also suggest that the use of the operations management techniques influences positively the reduction of cost, however, the hypothesis of association with the targets of introduction of new products was not statistically validated. The results of this research should be analyzed having in mind the limitations of such a research that used managers perceptions in a non-probabilistic sample in a model that simplifies the reality leaving other variables out of the model that could influence the analyzed relationships.
Palavras-chave: sistema de controle gerencial;  técnicas de gestão de operações;  desempenho;  setor de autopeças;  management control system, technical operations management, performance, auto parts sector
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::CIENCIAS CONTABEIS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Ciências Contábeis
Programa: Controladoria Empresarial
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/918
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12534
Data de defesa: 9-Fev-2012
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/918/1/Edelcio%20Koitiro%20Nisiyama.pdf
Aparece nas coleções:Profissional em Controladoria Empresarial - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.