Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12470
Tipo do documento: Dissertação
Título: Gestão do capital de giro: impacto sobre a rentabilidade da empresa e seus determinantes
Autor: Palombini, Nathalie Vicente Nakamura
Primeiro orientador: Nakamura, Wilson Toshiro
Primeiro membro da banca: Kimura, Herbert
Segundo membro da banca: Douat, João Carlos
Resumo: A gestão do capital de giro é um assunto de grande relevância para os gestores financeiros que devotam grande parte de seu tempo e esforço para buscar um nível ótimo entre seus componentes, de modo a contribuir para a maximização do valor da empresa (Lamberson, 1995; Appuhami, 2008; Martin e Morgan in Kim e Srinivasan, 1991). As empresas são capazes de reduzir seus custos financeiros e/ou aumentar seus fundos disponíveis para investimentos por meio da otimização de seus ativos e passivos circulantes. A decisão do nível ótimo de capital de giro envolve um equilíbrio complexo entre risco e retorno, entre liquidez e rentabilidade, constituindo um desafio diário para os gestores das empresas. Decisões inadequadas de capital de giro podem levar a empresa à insolvência, enquanto que um investimento excessivo nos ativos circulantes implica em fundos que não geram valor ao acionista. Apesar disso, o tema ainda é pouco explorado pela literatura acadêmica. Os resultados dos estudos existentes não convergem em um consenso sobre a influência da eficiência da gestão do capital de giro na melhoria da lucratividade. Da mesma forma, pouco se sabe sobre os fatores que influenciam a gestão corporativa do capital de giro. O presente estudo busca explorar a gestão do capital de giro sob duas abordagens: seu impacto sobre a rentabilidade da empresas e seus determinantes. Os resultados do primeiro problema de pesquisa indicaram que a gestão do capital de giro, medida pelo ciclo de conversão de caixa, afeta a rentabilidade bruta e operacional da empresa de forma negativa, sugerindo que as empresas podem aumentar sua rentabilidade, trabalhando com níveis mais reduzidos de capital de giro. A análise dos resultados do segundo problema de pesquisa indicou o nível de endividamento, o tamanho e o crescimento da empresa como fatores determinantes na gestão do capital de giro. A relação negativa com endividamento corrobora com a Pecking Order Theory, que defende que empresas endividadas buscam trabalhar com níveis reduzidos de ativos circulantes para evitar novas emissões de títulos de dívidas e ações. A variável fluxo de caixa livre também apresentou relação negativa e significante com a gestão de capital de giro, sugerindo que empresas que apresentam maior rentabilidade antes da depreciação e após pagamento de impostos, juros e dividendos apresentam níveis menores de capital de giro.
Abstract: Working capital management is a relevant subject for financial managers who invest a significant amount of time and effort seeking an ideal balance level of its components, in order to create value for the company (Lamberson, 1995; Appuhami, 2008; Martin e Morgan in Kim e Srinivasan, 1991). Companies are able to reduce financing costs and/or increase the available funds for investments by optimizing current assets and liabilities. To reach the optimum level decision, there are a number of complex tradeoffs that have to be considered, such as risk and return, liquidity and profitability, turning daily business questions into challenging decisions for firm s managers. Inadequate decisions over working capital components may lead to insolvency; while overinvestment decisions implies in zero or negative net present value. Although is crucial for the financial strategy of the organization, working capital management is a subject under explored by the academic literature. Current research results did not converge to a common sense about the influence of working capital management efficiency over the profitability. In the same way, there are few available studies about the determinants of working capital management. The proposal of this present study is to explore management working capital regarding two approaches: its impact on firm s profitability and its determinants. The results of the first research problem showed that the working capital management, measured by cash conversion cycle, affects negatively the gross and operational profitability, suggesting that companies can increase profitability by reducing the level of working capital. The analysis of the second research problem results showed the debt level, size and growth rate as determinants of working capital management. The negative relation with debt level is consistent with the Pecking Order Theory, suggesting that leveraged companies aim to work with low level of current assets, to avoid issuing new debt securities and equity securities. The variable free cash flow also showed a negative and significant relation with working capital management, indicating that companies with higher profitability before depreciation and after taxes, interests and dividends present lower volume of working capital.
Palavras-chave: capital de giro;  rentabilidade;  determinantes;  painel de dados;  working capital management;  profitability;  determinants;  panel data
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Administração
Programa: Administração de Empresas
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/759
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12470
Data de defesa: 10-Fev-2010
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/759/1/Nathalie%20Vicente%20Nakamura%20Palombini.pdf
Aparece nas coleções:Administração de Empresas - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.