Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12348
Tipo do documento: Dissertação
Título: Valores relativos à competição organizacional: um estudo de caso olhando as interações entre empregados de organizações privadas e moradores do entorno
Autor: Katsurayama, Ernesto Hideaki
Primeiro orientador: Domenico, Silvia Marcia Russi de
Primeiro membro da banca: Teixeira, Maria Luisa Mendes
Segundo membro da banca: Martins, Maria do Carmo Fernandes
Resumo: A busca pela competitividade das empresas mostra os seus stakeholders (clientes, fornecedores, gestores e empregados, acionistas, investidores, financiadores e comunidades) interagindo na busca dos recursos necessários à sua sobrevivência. Às interações entre stakeholders visando à obtenção de recursos num ambiente competitivo estão subjacentes os valores relativos à competição organizacional (VRCO) (DOMENICO, 2007). O objetivo desta pesquisa foi compreender como são construídos os VRCO na interação entre gestores e demais empregados de empresas e moradores das comunidades onde se inserem. A pesquisa foi realizada com base no método qualitativo de pesquisa, sob o paradigma interpretativo, utilizando como estratégia de pesquisa o estudo de caso, em uma organização do segmento de mineração que extrai e processa minério numa planta metalúrgica localizada a 45 quilômetros de uma cidade no interior de Goiás. Esta pesquisa foi realizada com emprego de 23 entrevistas individuais semi estruturadas, dois grupos de foco, observação não participante (em fórum comunitário e visitas a entidades sociais), conversas espontâneas e documentos. A análise do material discursivo levantado durante a pesquisa mostrou que os VRCO foram construídos à medida que os empregados e os moradores foram desenvolvendo, em conjunto, um novo vocabulário nas interações ocorridas entre eles ao longo de mais de 40 anos de relacionamento. As práticas desenvolvidas durante esse período tiveram os seguintes VRCO subjacentes: cumprimento de compromissos, respeito, valorização da mão de obra local, abertura ao entendimento, formalidade, transparência e compromisso com o resultado. Assim como nas pesquisas de Domenico (2007) e Leitão (2010), notou-se que os VRCO apreendidos nesta pesquisa parecem resultar da busca do equilíbrio dinâmico entre a visão de mundo do fundador (o mundo como deveria ser) combinada com a visão de mundo expressa nas políticas corporativas (o mundo como ele é) e a necessidade de adequação à realidade, ao mesmo tempo em que evidenciaram a reprodução dos aspectos culturais da sociedade da qual os stakeholders fazem parte.
Abstract: The quest for competitiveness of enterprises shows its stakeholders (customers, suppliers, managers and employees, shareholders, investors, lenders and communities) interacting in the search of resources necessary for their survival. Underlying interactions between stakeholders aiming to obtain resources in a competitive environment are values related to the organizational competition (VROC) (DOMENICO, 2007). The objective of this research was to understand how VROC are constructed in the interactions between managers and other employees of the businesses and residents of the communities where they operate. The research was based on qualitative research method, under the interpretive paradigm, using as research strategy the case study in an organization of the mining segment, which mines and processes ore at a metallurgical plant located 45 kilometers from a town in the Goiás State countryside. This research was performed with the use of 23 individual semi-structured interviews, two focus groups, non-participant observation (at the community forum and visits to social entities), naturally occurring talks and documents. The analysis of the discursive material collected during the survey showed that VROC were constructed as employees and residents were jointly developing a new vocabulary in the interactions between them throughout more than 40 years of relationship. Practices developed during this period had the following underlying VROC: fulfilling commitments, respect, appreciation of local labor, opening to understanding, formality, transparency and commitment to results. As in Domenico (2007) and Leitão (2010) it was noted that the VROC seized in this research seem to result from the dynamic balance between the worldview of the founder (the world as it should be) combined with the worldview expressed through the corporate policies (the world as it is) and the need to adapt to reality, while demonstrating the reproduction of the cultural aspects of the society of which the stakeholders take part.
Palavras-chave: valores relativos à competição organizacional;  stakeholders;  interações;  comunidade;  values related to organizational competition;  stakeholders;  interactions;  community
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Administração
Programa: Administração de Empresas
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/634
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12348
Data de defesa: 14-Ago-2014
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/634/1/Ernesto%20Hideaki%20Katsurayama.pdf
Aparece nas coleções:Administração de Empresas - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.