Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12342
Tipo do documento: Dissertação
Título: Os processos de aprendizagem informal no local de trabalho: um estudo com técnicos-administrativos numa faculdade pública estadual
Autor: Reatto, Diogo Luís
Primeiro orientador: Godoy, Arilda Schmidt
Primeiro membro da banca: Silva, Natacha Bertoia da
Segundo membro da banca: Oliva, Eduardo de Camargo
Resumo: Esta pesquisa é um estudo qualitativo interpretativo básico apoiado numa postura epistemológica interpretacionista e interacionista que visa a compreender como ocorrem as experiências de aprendizagem vivenciadas pelos funcionários técnico-administrativos da Faculdade de Odontologia de Araçatuba/UNESP em seus locais de trabalho. A pergunta de pesquisa é: "como os funcionários técnico-administrativos de uma faculdade pública vivenciam a experiência da aprendizagem no exercício de suas tarefas profissionais desenvolvidas no local de trabalho? ", e se desdobra em três grandes objetivos: (a) identificar, descrever e compreender os processos informais que esses indivíduos utilizam para aprender suas tarefas profissionais; (b) descrever e analisar o papel das interações sociais que ocorrem no ambiente de trabalho, bem como a influência do contexto na aprendizagem informal; (c) analisar em que medida o ambiente de trabalho da faculdade objeto de estudo favorece e/ou dificulta a aprendizagem informal. O referencial teórico articula a literatura sobre Aprendizagem Informal nos locais de trabalho com a Teoria da Aprendizagem Social de Elkjaer, para compreender como a aprendizagem ocorre em ambientes sociais. Conduziram-se 16 entrevistas semi-estruturadas com servidores técnico-administrativos das Divisões Técnicas Acadêmica e Administrativa da Faculdade de Odontologia de Araçatuba/FOA-UNESP. As informações coletadas foram analisadas pela estratégia de análise de dados qualitativos proposta por Flores (1994). Concluiu-se que os servidores aprendem suas tarefas informalmente, por meio da experiência da prática cotidiana no local de trabalho, no processo de trabalho, perguntando e trocando ideias com o superior e com os colegas da própria ou de outra unidade da UNESP, com quem constroem uma rede de relacionamentos contributiva para ações de aprendizagens informais. Enfrentar tarefas novas e desafiadoras em outros cargos ou funções é um gatilho para a aprendizagem desses funcionários, bem como conhecer o funcionam ento da estrutura organizacional e estudar a legislação interna e externa pertinentes à sua função e à organização. Essas ações são incentivadas pelo comportamento proativo do funcionário, o qual carrega consigo e o aplica no local de trabalho. As interaçõ es com os mundos e submundos sociais identificados também despertam emoções como gratidão, comprometimento, prazer e amor no trabalho e pelo trabalho, as quais ora apoiam ora suprimem a aprendizagem. Os fatores de contexto ambiental que influenciam a AI são o clima, a cultura e a estrutura física organizacionais, bem como as expectativas de crescimento no trabalho e a relação entre novatos e experientes.
Abstract: This research is a basic interpretative and qualitative study underpinned by an interacionist and interpretative epistemological approach that aims to understand how technical - administrative employees learning experiences occur in the workplace of Araçatub a School of Dentistry/UNESP. The research question is: how do technical - administrative employees experience learning throughout their professional tasks in the workplace? . There are three big aims: (a) identify, describe and understand the informal processes used for individuals to learn their professional tasks; (b) describe and analyze the role of the social interactions that occur in the workplace, as well as the influe nce of the organizational context in informal learning; (c) analyze how the workplace context of the studied Faculty supports or raises difficulties to informal learning. The theoretical frame joins the literature about Informal Learning in the workplace with Social Learning Theory by Elkjaer, in order to understand how learning occurs in social environments. It was conducted 16 semi - structured interviews with technical - administrative employees from Academic and Administrative Technical Divisions of Araçat uba School of Dentistry/UNESP. The collected data was analyzed through qualitative data analyses strategy proposed by Flores (1994). I t was concluded that employees learn their tasks informally, by their experience and daily practice in the workplace, during the work process, making questions and exchang ing ideas with their bos ses and colleagues from the own Faculty or from other UNESP faculty , with whom they build a contributive network for informal learning. Facing new and challenging tasks in other jobs is a trigger to informal learning, such as knowing the way as the organization works and studying its internal and external set of laws . The technical - administrative employee proactive behavior encourage s these actions. The employees interactions with the social worlds and subworlds identified in the interviews evoked emotions like gratefu lness, commitment, pleasure and love in the job and by the job, which sometimes support and raise difficulties at times to informal learning. The context factors that influence informal learning in the studied organization are organizational climate, culture and layout, as well as job development expectation and the relationship between newcomers and experienced employees.
Palavras-chave: aprendizagem informal nas organizações;  aprendizagem nos locais de trabalho;  teoria da aprendizagem social;  informal learning in organizations;  workplace learning;  social learning theory
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Administração
Programa: Administração de Empresas
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/628
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12342
Data de defesa: 15-Ago-2014
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/628/1/Diogo%20Reatto.pdf
Aparece nas coleções:Administração de Empresas - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.