Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12336
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise temporal do retorno de ações de empresas previamente investidas por fundos de private equity no Brasil após 2004
Autor: Mauad, Rogério Paulucci
Primeiro orientador: Forte, Denis
Primeiro membro da banca: Nakamura, Wilson Toshiro
Segundo membro da banca: Mendes-da-silva, Wesley
Resumo: Os investimentos realizados por fundos de Private Equity cresceram exponencialmente nos últimos anos. Tradicionalmente, os fundos de Private Equity são geradores de valor dentro das empresas investidas, devido aos aportes de capital e às técnicas de gestão diferenciadas. No Brasil, diversos fundos, de capital nacional e estrangeiro, realizaram investimentos significativos em empresas dos mais diversos setores, possibilitando assim que crescessem, se desenvolvessem e realizassem suas ofertas públicas de ações, tornando-se então, empresas de capital aberto. Desde 2004, com o início de uma nova onda de IPOs (Initial Public Offering) no mercado nacional, dezenas de empresas previamente investidas por fundos de Private Equity abriram capital na Bolsa de Valores de São Paulo. Este trabalho analisou, a partir de uma amostra de 141 IPOs realizados após 2004, se o desempenho das ações destas empresas, apurado pela metodologia Wealth Relative Buy-and-Hold foi superior ao das ações de empresas que não foram investidas por fundos de Private Equity. Foram realizados testes estatísticos e econométricos, cujos resultados sugerem que o mercado reconhece o valor da gestão dos fundos nas empresas investidas, porém o retorno das ações não se manteve constante no longo prazo e nos diferentes períodos apurados, levando à conclusão de que mesmo as empresas previamente investidas por fundos de Private Equity estão sujeitas aos ciclos de expansão e retração de mercado e as diferenças de performances entre as ações das empresas previamente investidas por fundos de Private Equity e as demais diminuem ao longo dos anos após a oferta pública.
Abstract: The investments made by private equity funds have grown exponentially over the last ten years. Traditionally, private equity funds are value generators inside of investees due to capital contributions and techniques of differentiated management. In Brazil , several funds, domestic and foreign capital , have made significant investments in companies from various sectors , thus enabling them to grow , develop and made their public offerings , thus becoming , publicly traded companies . Since 2004, with the beginning of a new wave of IPOs ( Initial Public Offering) in the domestic market , dozens of companies previously invested by private equity funds went public on the Stock Exchange of São Paulo . This study analyzed from a sample of 141 IPOs after 2004 if the stock performance of these companies, determined by the methodology Wealth Relative Buy-and -Hold was greater than the return of the shares of companies that have not invested by private equity funds. Statistical and econometric tests were conducted , the results suggests that the market recognizes the value of fund management in investee companies , but the return on stocks has not remained constant over the long term and established in different periods , leading to the conclusion that even companies previously invested by private equity funds are subject to cycles of expansion and contraction of the market and the performance differences between the stocks of companies previously invested by private equity funds and other diminish over the years after the public offering .
Palavras-chave: private equity;  retorno relativo;  longo prazo;  IPO;  private equity;  relative return;  long term;  IPO
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Administração
Programa: Administração de Empresas
Citação: MAUAD, Rogério Paulucci. Análise temporal do retorno de ações de empresas previamente investidas por fundos de private equity no Brasil após 2004. 2014. 97 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/622
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12336
Data de defesa: 4-Fev-2014
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/622/1/Rogerio%20Paulucci%20Mauad.pdf
Aparece nas coleções:Administração de Empresas - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.