Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12281
Tipo do documento: Dissertação
Título: Os ativos intangíveis e a criação de valor na indústria farmacêutica nacional
Autor: Merofa, Patricia do Amaral
Primeiro orientador: Kayo, Eduardo Kazuo
Primeiro membro da banca: Martin, Diógenes Manoel Leiva
Segundo membro da banca: Frezatti, Fabio
Resumo: No atual cenário econômico, onde as mudanças são rápidas e constantes, a importância de uma atuação diferenciada das empresas é evidenciada pelo crescente interesse nos ativos intangíveis. O processo de inovação confere às empresas maneiras singulares de competir. O setor farmacêutico apresenta características únicas, remetendo ao perfil de organizações voltadas ao processo de inovação como forma de se manterem competitivas na sua indústria, por meio de investimentos contínuos em pesquisa e desenvolvimento, marcas e patentes. Assim, o objeto de estudo deste trabalho são os laboratórios farmacêuticos atuantes no âmbito nacional. O estudo foi realizado a partir de um painel de dados no período entre 1995 e 2005 com o propósito de analisar possíveis relações entre o desempenho das empresas investigadas e os ativos intangíveis, representados pelas quantidades de medicamentos próprios, genéricos e similares. Os resultados obtidos demonstraram relações significantes e positivas entre a receita líquida e a quantidade de medicamentos próprios e os genéricos dos laboratórios estudados, o que pode explicar uma atuação dos laboratórios em busca de aumentar seu tamanho como forma de competir na indústria farmacêutica nacional.
Abstract: In the current economic scene, where the changes are fast and constant, the importance of a differentiated performance of the companies is evidenced by the increasing interest in the intangible assets. The innovation process confers to the companies singular ways to compete. The pharmaceutical sector presents caracteristics, sending to the profile of organizations directed to innovation process as a way to keep than competitive in this industry. Thus, the object of study of this research is operating pharmaceutical laborories in the national scope. In this study a panel data was carried through 1995 to 2005 to analyse possible relations between the performance and intangible assets of the investigated companies, represented for the amout of proper, generic and similar medicines. The results demonstrate significant and positive relations between the revenue and the amout proper medicines and the generic ones, maybe it can explain the performance of the laboratories in search to extend as a way to compete in the national pharmaceutical industry.
Palavras-chave: ativos intangíveis;  criação de valor;  desempenho;  indústria farmacêutica;  intangible assets;  value creation performance;  pharmaceutical industry
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Administração
Programa: Administração de Empresas
Citação: MEROFA, Patricia do Amaral. Os ativos intangíveis e a criação de valor na indústria farmacêutica nacional. 2007. 103 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/566
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12281
Data de defesa: 8-Mar-2007
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/566/1/Patricia%20do%20Amaral%20Merofa.pdf
Aparece nas coleções:Administração de Empresas - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.