Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12239
Tipo do documento: Dissertação
Título: A construção da carreira de reitoras: um olhar sobre as universidades federais
Autor: Campello, Gabriella Vasconcellos de Araujo
Primeiro orientador: Hanashiro, Darcy Mitiko Mori
Primeiro membro da banca: Vasconcelos, Maria Lúcia Marcondes Carvalho
Segundo membro da banca: Betiol, Maria Irene Stocco
Resumo: O ambiente de trabalho nas Instituições de Ensino Superior tem-se tornado cada vez mais heterogêneo. Por esta razão, é necessário o estudo da diversidade de gênero nos cargos de liderança dessas Instituições, tema pouco explorado na literatura brasileira. A mulher vem conquistando crescente espaço na academia, mas ainda é sub-representada nas instâncias de poder e decisão das universidades. O objetivo desta pesquisa é compreender a trajetória percorrida por mulheres na construção de suas carreiras até alcançarem o cargo de reitoria nas universidades federais brasileiras. Foi realizada uma pesquisa de natureza descritivo-exploratório, desenvolvida segundo as premissas do estudo qualitativo básico ou genérico. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas em profundidade com seis reitoras de universidades federais no Brasil. A utilização de um roteiro semiestruturado de questões e o procedimento de análise de conteúdo dos dados coletados conduziram aos principais resultados do estudo. Os resultados revelaram a existência do estereótipo do papel sexual masculino, que leva as reitoras a adotarem comportamentos típicos do homem como forma de proteção ou de imposição de respeito quando se sentem ameaçadas. Ficou evidente, contudo, que a adoção de comportamentos tidos como masculinos não exclui a feminilidade. As reitoras admitem a existência do preconceito e da discriminação contra as mulheres,e confirmam a existência do teto de vidro, ligado ao estereótipo de gênero atribuído a elas. Outro aspecto apontado por este estudo foi a dificuldade em conciliar múltiplos papéis: mãe, esposa, dona de casa e profissional levando ao conflito trabalho/família. Observou-se ainda que dentre os aspectos cruciais para obter reconhecimento e conquistar respeito e credibilidade em um ambiente predominantemente masculino, destacam-se os atributos de liderança, tanto atitudinais como comportamentais, o engajamento dessas mulheres com os diferentes cargos e projetos acadêmicos e a capacidade de empreender e promover mudanças. Os resultados da pesquisa mostram que, para o bom desempenho da função de reitora, os aspectos atitudinais ou comportamentais são tão ou mais importantes que os aspectos técnicos.
Abstract: The workplace environment in institutions of higher education has increasingly become more heterogeneous. For this reason, it is necessary to study the gender diversity of leadership positions in these institutions, which is a theme that has been rarely examined in the Brazilian literature. Women have made great gains in academia, but are still under-represented in university power and decision instances.The objective of this study is to understand the path women have taken in building their careers until reaching the rector position in Brazilian federal universities. This study is of a descriptive and exploratory nature and was developed in accordance with the assumptions of basic or generic qualitative studies. Data was collected through in-depth interviews with six female rectors in Brazilian federal universities.The use of a semi-structured script and the contents analysis procedure of the data gathered led to the study s main results. The results revealed the existence of a male gender role stereotype, which leads female rectors to adopt typical masculine behavior as a form of protection or in order to impose respect when they feel threatened. It was evident, nevertheless, that the adoption of masculine behavior does not exclude feminineness. These female rectors admit the existence of bias and discrimination against women and confirm the existence of a glass ceiling tied to the gender stereotype assigned to them. Another aspect covered by this study was the difficulty to conciliate multiple roles: mother, wife, housewife and professional, leading to a work/family conflict. It was observed that leadership attributes, both attitudinal and behavioral, the engagement in different academic projects and job positions, and the ability to undertake and promote changes, were crucial to gaining respect and credibility in a predominantly masculine environment. The results of this study show that, for a good performance in rector positions, attitudinal or behavioral aspects are as important, or even more important than the technical ones.
Palavras-chave: gênero;  reitora;  carreira;  liderança feminina;  estereótipo de papel sexual;  gender;  female rector;  career;  female leadership;  sexual-role stereotype
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Administração
Programa: Administração de Empresas
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/524
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12239
Data de defesa: 5-Ago-2011
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/524/1/Gabriella%20Vasconcellos%20de%20Araujo%20Campello.pdf
Aparece nas coleções:Administração de Empresas - Dissertações - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.