Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12128
Tipo do documento: Tese
Título: Cadeia de suprimentos verde: um estudo nas indústrias químicas no Brasil
Autor: Shibao, Fábio Ytoshi
Primeiro orientador: Moori, Roberto Giro
Primeiro membro da banca: Perez, Gilberto
Segundo membro da banca: Kruglianskas, Isak
Terceiro membro da banca: Sambiase, Marta Fabiano
Quarto membro da banca: Barbieri, Jose Carlos
Resumo: As transformações constantes nos padrões tecnológicos decorrentes do crescente aumento da competitividade têm levado as empresas a desenvolverem novas relações interorganizacionais implicando no aumento de consumo, o que tornou perverso para o meio ambiente, dado o consumo excessivo dos recursos naturais e a geração de resíduos e poluentes. Nesse contexto,com base na linha de pensamento de autores da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológica), este estudo objetivou conhecer como se processa as relações entre as dimensões da gestão da cadeia de suprimentos verde, o perfil ecológico e o desempenho das empresas do ramo químico brasileiro. Para tanto, foi realizada uma pesquisa constituída de três fases. Na primeira fase, de natureza exploratória, teve como objetivo ampliar o conhecimento sobre o assunto do estudo e obter subsídios para a construção do instrumento de coleta de dados pesquisa. Um grupo composto de oito empresas utilizadas e tratadas pela análise de conteúdo,concebeu os construtos e indicadores teóricos das práticas da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológica) em empresas químicas brasileiras. A segunda fase, também de natureza exploratória, teve como objetivo refinar o instrumento de coleta por meio de pré-testes aplicados junto a um grupo de sete empresas. Com os resultados destas duas fases,prosseguiu-se para a terceira fase de natureza descritiva, objetivou verificar se as características ecológicas (ou perfil verde) pró-ativas ou reativas influenciavam o desempenho de negócios das empresas da cadeia de suprimentos do ramo químico. A amostra, constituída de 160 respondentes, tratadas pela estatística descritiva e técnicas da análise fatorial e modelagem em equações estruturais, revelaram: de um lado, que o perfil pró-ativo empresarial estava correlacionado às práticas internas da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológica). Por sua vez, a relação entre gestão da cadeia de suprimentos verde e desempenho das empresas se mostrou significante (0,05); de outro, o perfil reativo por parte da empresa não estava correlacionado com nenhum fator da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológico). Além disso, a relação entre o perfil reativo e desempenho das empresas se mostrou não significante (0,05). Por conta destes resultados, pode-se concluir que as empresas do ramo químico, têm como principal preocupação os benefícios econômicos. Não obstante, as práticas da gestão da cadeia de suprimentos verde, com média de 4,4 numa escala de discordância / concordância de 1 a 6, mostra que existe muito trabalho a ser realizado, em especial, aquele relacionado com o meio ambiente.
Abstract: As transformações constantes nos padrões tecnológicos decorrentes do crescente aumento da competitividade têm levado as empresas a desenvolverem novas relações interorganizacionais implicando no aumento de consumo, o que tornou perverso para o meio ambiente, dado o consumo excessivo dos recursos naturais e a geração de resíduos e poluentes. Nesse contexto,com base na linha de pensamento de autores da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológica), este estudo objetivou conhecer como se processa as relações entre as dimensões da gestão da cadeia de suprimentos verde, o perfil ecológico e o desempenho das empresas do ramo químico brasileiro. Para tanto, foi realizada uma pesquisa constituída de três fases. Na primeira fase, de natureza exploratória, teve como objetivo ampliar o conhecimento sobre o assunto do estudo e obter subsídios para a construção do instrumento de coleta de dados pesquisa. Um grupo composto de oito empresas utilizadas e tratadas pela análise de conteúdo,concebeu os construtos e indicadores teóricos das práticas da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológica) em empresas químicas brasileiras. A segunda fase, também de natureza exploratória, teve como objetivo refinar o instrumento de coleta por meio de pré-testes aplicados junto a um grupo de sete empresas. Com os resultados destas duas fases, prosseguiu-se para a terceira fase de natureza descritiva, objetivou verificar se as características ecológicas (ou perfil verde) pró-ativas ou reativas influenciavam o desempenho de negócios das empresas da cadeia de suprimentos do ramo químico. A amostra, constituída de 160 respondentes, tratadas pela estatística descritiva e técnicas da análise fatorial e modelagem em equações estruturais, revelaram: de um lado, que o perfil pró-ativo empresarial estava correlacionado às práticas internas da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológica). Por sua vez, a relação entre gestão da cadeia de suprimentos verde e desempenho das empresas se mostrou significante (0,05); de outro, o perfil reativo por parte da empresa não estava correlacionado com nenhum fator da gestão da cadeia de suprimentos verde (ou ecológico). Além disso, a relação entre o perfil reativo e desempenho das empresas se mostrou não significante (0,05). Por conta destes resultados, pode-se concluir que as empresas do ramo químico, têm como principal preocupação os benefícios econômicos. Não obstante, as práticas da gestão da cadeia de suprimentos verde, com média de 4,4 numa escala de discordância / concordância de 1 a 6, mostra que existe muito trabalho a ser realizado, em especial, aquele relacionado com o meio ambiente.
Palavras-chave: gestão da cadeia de suprimentos verde;  gestão ambiental;  indústria química;  green supply chain management;  environmental management;  chemical industry
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Administração
Programa: Administração de Empresas
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/778
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12128
Data de defesa: 29-Ago-2011
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/778/1/Fabio%20Ytoshi%20Shibao.pdf
Aparece nas coleções:Administração de Empresas - Teses - CCSA Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.