Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12007
Tipo do documento: Dissertação
Título: O desenho no processo de criação e apresentação do projeto : o caso dos trabalhos finais de graduação da Universidade de Fortaleza.
Autor: Oliveira, Marcos Bandeira de
Primeiro orientador: Perrone, Rafael Antonio Cunha
Primeiro membro da banca: Pisani, Maria Augusta Justi
Segundo membro da banca: Santiago, Zilsa Maria Pinto
Resumo: Os registros gráficos executados durante o projeto passaram por grandes mudanças em suas técnicas, instrumentos e finalidades depois do aparecimento dos meios digitais. Os estudos sobre metodologia projetual deixam clara a sua complexidade, assim como a dos mecanismos de representação gráfica, que auxiliam e registram esses processos. A computação gráfica não eliminou os instrumentos nem as técnicas analógicas, mas somou-se a elas. Hoje há considerável variedade de ferramentas gráficas para subsidiar a reflexão e o registro do projeto que misturam recursos analógicos e digitais. Essa diversidade é benéfica, mas, para a exploração eficiente das suas potencialidades, requer conhecimentos técnicos, instrumentais e conceituais que ultrapassam os limites da Geometria, do desenho técnico arquitetônico e da computação gráfica. Observam-se no meio acadêmico algumas deficiências na orientação do uso dos novos recursos, além da separação entre o ensino/prática do desenho e sua relação com a realidade do projeto. Os estudos comprovam a pertinência e importância dos recursos analógicos no projeto, além de defenderem a convivência entre eles e os recursos digitais. A repercussão do emprego dos instrumentos digitais ocorreu simultaneamente na prática profissional e nas escolas de Arquitetura e, dentro destas, observa-se que os discentes desenvolvem procedimentos próprios para explorar essa gama de opções. Com o objetivo de traçar um panorama dessas práticas discentes, esta dissertação avaliou a produção analógica, de 2009 e 2014, observada na disciplina Trabalho Final de Graduação (TFG) da Universidade de Fortaleza nos momentos de concepção e de apresentação dos projetos. Para tanto, primeiramente, foi avaliada a matriz curricular que formou esses alunos e, em seguida o material gráfico produzido nas orientações e apresentações dos TFGs. Para esse último, foram feitos, inicialmente, um levantamento quantitativo e uma análise geral qualitativa de todos os trabalhos, tendo sido esta aprofundada por meio de cinco estudos de caso. O material avaliado revela grande atenção dispensada a desenhos específicos durante o processo projetual, destacando-se as plantas e as perspectivas. Os desenhos demonstram deficiências técnicas na execução gráfica e pouca relação com a realidade construída. Constatam-se instrumentos digitais como auxiliares dos desenhos analógicos, mas também verifica-se que os conteúdos das disciplinas de desenho não tratam desse tipo de técnica híbrida. Dessa forma, revelam-se três tipos básicos de técnicas: analógica, digital e híbrida. Os dados explicitam pontos norteadores de decisões didáticas das disciplinas de projeto, de desenho, do próprio TFG e da inter-relação delas. Como resultado deste estudo, fica evidente que o uso do desenho à mão livre continua pertinente no meio acadêmico, mas também que ele não pode ser tratado de maneira conservadora ou atrelada a processos anteriores ao uso dos sistemas digitais. Além disso, conclui-se ser preciso definir e assumir, dentro dos currículos acadêmicos, um desenho específico para o arquiteto, levando em consideração todas as possibilidades tecnológicas, analógicas e digitais.
Abstract: The graphic records performed during the design process had major changes in their techniques, instruments and purposes after the appearance of digital tools. Studies on architectural design methodology make clear its complexity as well as the graphical representation mechanisms that assist and record these processes. Computer graphics has not eliminated the instruments and analogue techniques, but added up to them. Today there are a variety of graphical tools to support design process blending analog and digital resources. This diversity is beneficial, but for the efficient exploitation of its potential, requires technical, instrumental and conceptual knowledge that exceed the limits of Geometry, architectural drawing and computer graphics. It is observed in academic circles some deficiencies in the orientation of use of new features in addition to the separation between education / design practice and its relation to the reality of the project. Studies shows the relevance and importance of analog features in the design process as well as defend the coexistence between them and digital resources. The impact of the use of digital instruments simultaneously occurred in professional practice and in architecture schools and, within these, it is observed that the students develop their own procedures to explore this range of options. Aiming to give an overview of these students practice, this dissertation evaluated the analog production, from 2009 to 2014, observed in the discipline Trabalho Final de Graduação (TFG) at the University of Fortaleza in the moments of conceptual design and the presentation of projects. In order to that end, there was a first evaluation of the curricular grade that formed these students and then the drawings produced during professor's orientation and presentations of the TFGs. It was initially made a quantitative survey and a qualitative overview of all work that was deepened through five case studies. The evaluated material shows great attention given to specific drawings during the design process with emphasis on plants and perspectives. The drawings demonstrate technical deficiencies in the graphic execution and little relation to the constructed reality. Digital instruments help the analog designs. The contents of the drawing disciplines do not address this type of hybrid technique. Thus, it is revealed three basic techniques: analog, digital and hybrid. The collected data can help in didactical decisions of design disciplines / drawing, the actual TFG and the interrelation of them. As a result of this study, It is evident that the use of freehand drawing remains relevant in academic circles, but also that it can not be treated in a conservative manner or disconnected from the digital systems way. In addition, it was concluded that we must define and assume, within academic curriculum, a particular drawing for the architect considering all analog and digital technological possibilities
Palavras-chave: desenho;  projeto de arquitetura;  ensino;  TFG;  croquis;  UNIFOR;  design;  architecture design;  teaching;  TFG;  sketches;  UNIFOR
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Arquitetura e Urbanismo
Programa: Arquitetura e Urbanismo
Citação: OLIVEIRA, Marcos Bandeira de. O desenho no processo de criação e apresentação do projeto : o caso dos trabalhos finais de graduação da Universidade de Fortaleza.. 2015. 211 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, Fortaleza, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/395
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/12007
Data de defesa: 6-Fev-2015
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/395/1/Marcos%20Bandeira%20de%20Oliveira.pdf
Aparece nas coleções:Arquitetura e Urbanismo - Dissertação – FAU Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.