Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/11957
Tipo do documento: Dissertação
Título: Conceituação e desenvolvimento da escola parque em Brasília, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo: de 1931 a 2013
Autor: Leme, Deborah Raquel Rosin Delphino de Moraes
Primeiro orientador: Righi, Roberto
Primeiro membro da banca: Bruna, Gilda Collet
Segundo membro da banca: Delijaicov, Alexandre
Resumo: Este trabalho investiga sete modelos de escolas públicas brasileiras construídas com a orientação filosófica de Anísio Teixeira (1900-1971), caracterizada por uma escola de período integral onde a criança pudesse experimentar, raciocinar, pensar, formar hábitos e valores democráticos As escolas estudadas e visitadas possuem proposta arquitetônica que reflete um programa funcional diferenciado, com espaços como: auditório, ateliê, estúdio, biblioteca e áreas de convivência A primeira escola brasileira idealizada com este novo conceito foi a Escola Platoon, em 1931, situada na cidade do Rio de Janeiro, então Distrito Federal, projetada pelo arquiteto Enéas Silva. Em 1949, em Salvador, os arquitetos Diógenes Rebouças, Hélio Duarte e Paulo Antunes Ribeiro projetaram o Centro Educacional Carneiro Ribeiro, composto por uma Escola-Parque e quatro Escolas-Classes. Em 1957, o arquiteto José Reis construía na nova capital federal, Brasília, o Centro Educacional Elementar. Saliente-se que Anísio Teixeira orientou diretamente o programa arquitetônico destas três escolas. Outras escolas se implantaram partindo de seu legado; em 1949 foi formalizada uma parceria entre o Governo do Estado de São Paulo e a Prefeitura da Capital, da qual resultou a construção de 52 Escolas Parques sob o comando do arquiteto Hélio Duarte. A partir de 1983, foram construídos no Estado do Rio de Janeiro, 502 Centros Integrados de Educação Pública. Em 1991, em Brasília, foi criado o Centro de Atenção Integral a Criança. Finalmente, no ano de 2001, foi proposto o Centro de Educação Unificado, em São Paulo. Observou-se que, com o passar dos anos, apesar de terem sido mantidas as construções originais das Escolas Parques, foram alteradas algumas formas de ocupação e utilização dos espaços arquitetônicos, a fim de elevar a capacidade de atendimento do número de alunos, o que descaracterizou parcialmente o projeto original de Anísio Teixeira.
Abstract: This paper investigates seven models of Brazilian public schools built with the philosophical orientation of Anísio Teixeira (1900-1971), characterized by a full-time school where the child could experience, reasoning, thinking, habits and form democratic values and visited schools studied have architectural proposal that reflects a differential functional program, with spaces such as the auditorium, studio, studio, library and living areas. The first Brazilian school designed with this new concept was the Platoon school in 1931, located in the city of Rio de Janeiro, then the Federal District, designed by architect Enéas Silva. In 1949, in Salvador, architects Diogenes Rebouças, Hélio Duarte Paulo Antunes Ribeiro designed the Centro Educacional Carneiro Ribeiro, composed of a School Park and four Class Schools. In 1957, the architect José Reis built in the new capital, Brasília, the Centro Educacional Elementar. It should be noted that Teixeira directly guided architectural program of these three schools. Other schools have implemented starting with his legacy, in 1949 was formalized a partnership between the State Government and the Municipality of São Paulo Capital, which resulted in the construction of 52 schools under the command of architect Hélio Duarte. From 1983, were built in the State of Rio de Janeiro, 502 Centros Integrados de Educação Pública. In 1991, in Brasília, was created the Centro de Atenção Integral a Criança. Finally, in 2001, was proposed Centro de Educação Unificado, in São Paulo. It was observed that, over the years, despite being held the original buildings of Schools Parks, have changed some forms of occupation and use of architectural spaces in order to increase the service capacity of the number of students, which partially misread the original design of Anísio Teixeira.
Palavras-chave: Escola Parque;  Centro Educacional Carneiro Ribeiro;  Centro Educacional Elementar;  Centro Integral de Educação Pública;  Centro de Atenção Integral a Criança;  Centro Educacional Unificado e Anísio Teixeira;  Park School;  Centro Educacional Carneiro Ribeiro;  Centro Educacional Elementar;  Centro Integral de Educação Pública;  Centro de Atenção Integral a Criança;  Centro Educacional Unificado e Anísio Teixeira
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Sigla da instituição: UPM
Departamento: Arquitetura e Urbanismo
Programa: Arquitetura e Urbanismo
Citação: LEME, Deborah Raquel Rosin Delphino de Moraes. Conceituação e desenvolvimento da escola parque em Brasília, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo: de 1931 a 2013. 2013. 154 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.mackenzie.br/jspui/handle/tede/337
http://dspace.mackenzie.br/handle/10899/11957
Data de defesa: 18-Fev-2013
metadata.dc.bitstream.url: http://tede.mackenzie.br/jspui/bitstream/tede/337/1/Deborah%20Delphino.pdf
Aparece nas coleções:Arquitetura e Urbanismo - Dissertação – FAU Higienópolis

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.